HILUX A GASOLINA DEVE ESTREAR NO SALÃO DE SÃO PAULO

Salão de São Paulo / Toyota

HILUX A GASOLINA DEVE ESTREAR NO SALÃO DE SÃO PAULO

TOYOTA_logo Após três anos sem mudanças significativas, e com a chegada de concorrentes de peso como L200 Triton e Nissan Frontier SEL, a Toyota Hilux deverá receber um motor a gasolina e uma sutil reestilização das linhas frontias e mudanças no interior na sua linha 2009, que deverá chegar ao mercado nos próximos meses. Segundo fontes ligadas à montadora, a nova versão da picape já está sendo produzida na fábrica de Zárate, na Argentina, e deverá ser apresentada no Salão do Automóvel de São Paulo. A vinda de uma versão da Hilux a gasolina, opção que deixou de ser importada há anos devido a falta de procura no Brasil, parece ser a resposta da Toyota em relação as opções atrativas da concorrência. Apesar de mais eficiente, o motor a diesel aumenta o preço final do veículo. Um exemplo é a versão de entrada da S-10, cabine simples, tração 4×2 e motor 2.4 Flex, por R$47.386 , enquanto a versão básica da Hilux, 2.5, 4×2 parte de R$74.100. As concorrentes Ford Ranger e Mitsubishi L200 também oferecem versões a gasolina. A atual versão da Hilux, lançada em 2005, iniciou uma verdadeira revolução no segmento. Com design totalmente diferenciado e moderno, o modelo passou a ser vendido em 10 opções diferentes, 4×2 e 4×4, cabine simples ou dupla. Hoje o modelo trava uma dura batalha com a líder S-10.

  • Provavelmente deverá ser a mesma motorização das hilux da Venezuela com 4 cilindros 2.7lts e 160cv, um detalhe na Venezuela tem a opção de 4×4 com esse motor o que seria uma boa pedida para o Brasil veja no site: http://www.hilux.com.ve/home.php

  • Aí está uma notícia interessantíssima.
    Espero que a Toyota não perca a cabeça como fez a Mitsubishi e lançe essa esperada motorização a um preço competitivo, bem distante dos ridículos 110 mil da L200 e mais próximos do 71 mil da S10 Executive.