MAIS INFORMAÇÕES DO CONCEITO RENAULT PARA SÃO PAULO

Renault / Salão de São Paulo

MAIS INFORMAÇÕES DO CONCEITO RENAULT PARA SÃO PAULO

prototipo-n-renault-brasil-0810-4 prototipo-n-renault-brasil-0810-3 O novo conceito da Renault para São Paulo tem mais algumas imagens reveladas. As fotos ainda não mostram o modelo por inteiro. Com elas, porém, chegam novas informações. O modelo terá o motor 1.6 16v Flex da linha Logan. A carroceria será do tipo 2+2, com teto rígido que pode ser retirado, transformando o carro em uma picape ou um conversível, dependendo da necessidade do dono. Mais detalhes na nota de imprensa abaixo e no Salão de São Paulo.

  MODULARIDADE É O PRINCIPAL ATRIBUTO DO PRIMEIRO CARRO CONCEITO PRODUZIDO 100% PELA RENAULT DO BRASIL A Renault do Brasil reservou surpreendentes atrações para o público que visitar o estande da marca no 25º Salão Internacional do Automóvel. Uma delas é o primeiro carro-conceito 100% nacional desenvolvido pela Renault do Brasil: um veículo 2+2, equipado com um teto rígido (hard top), capaz de se transformar em conversível ou picape, de acordo com o gosto e as necessidades do motorista. Com design e inovações tecnológicas sem similares no País, o modelo não é um simples “show car”. Ele segue a filosofia que norteia o desenvolvimento de todos os “concepts cars” do Grupo Renault, que é o de se locomoverem por meios próprios e o de possuírem todos os seus sistemas em perfeito funcionamento. Prova disso é que o modelo que será apresentado pela Renault do Brasil está equipado com o propulsor bicombustível 1.6 16V Hi-Flex, reconhecido pelo mercado por conciliar ótimo desempenho com baixo consumo de combustível. Além da equipe de profissionais do “Renault Design América Latina” (RDAL) – primeiro estúdio de design da marca no continente americano, inaugurado em abril deste ano e situado na cidade de São Paulo (SP) -, o primeiro carro-conceito 100% desenvolvido pela Renault do Brasil também contou com a participação, de forma direta e transversal de outras áreas da empresa, entre as quais: Produto, Engenharia e Marketing. O protótipo nacional reforça a filosofia adotada pelo Grupo Renault de oferecer produtos cada vez mais em sintonia com os mercados a que se destinam e sempre adequados às necessidades dos consumidores locais.