Mercado chinês ultrapassa o norte-americano

Mercado

Mercado chinês ultrapassa o norte-americano

effa A China ultrapassou os Estados Unidos e ocupou, em janeiro, a posição de país com maior número de carros novos vendidos no mundo. É o que estima a GM, maior montadora norte-americana e que perdeu recentemente a posição de maior fabricante mundial de automóveis para a japonesa Toyota.
Enquanto os EUA amargam o pior mês em vendas desde 1982, segundo o balanço geral divulgado na segunda-feira, os executivos da GM acreditam que “pela primeira vez na história o mercado chinês tenha passado o mercado norte-americano no balanço mensal”, ao consumir 790 mil unidades em janeiro. Nos EUA, com quedas generalizadas, o total foi de 668 mil veículos. Os números sobre as vendas na China, que não são oficiais, foram repassados à agência “Automotive News” e, claro, precisariam ser confrontados com dados não divulgados pelo governo chinês.
Mas com base nestes números, os executivos da montadora traçam o panorama de que o mercado de novos na China deverá vender algo como 10,7 milhões de unidades durante todo o ano de 2009, permanecendo à frente dos Estados Unidos. Atualmente, com a crise assolando a economia ianque, a estimativa é de que o mercado norte-americano consuma menos de 10 milhões de carros no ano. A China até hoje só tinha conseguido ultrapassar os EUA, no número de fábricas produtos falsos(isso inclui cópias fajutas de carros consagrados) e no nível de poluição. Qual será o próximo passo chinês? towner-cn-auto-02 chana