Acordo entre Fiat e grupo Daimler-Chysler, fará com que as marcas americanas lançem modelos Fiat nos EUA

Chrysler / Dodge / Jeep / Mercado

Acordo entre Fiat e grupo Daimler-Chysler, fará com que as marcas americanas lançem modelos Fiat nos EUA

FIATCHRYSLER0 A Chrysler apresentou hoje ao governo americano, um plano de viabilidade econõmica que visa unir a Fiat e o grupo Daimler-Chrysler. Isso inclui até produzir veículos Fiat, como veículos das marcas do grupo americano. Em troca de ceder sua tecnologia, a Fiat ficará com 35% das ações da Chrysler, mais sem prestar nenhuma responsabilidade às dívidas da marca. Sem contar que o grupo Daimler vendeu, essa semana, 9,1% das suas ações, por cerca de 6 milhões de reais, ao fundo de investimento Aabar Investment, de Abu Dhabi. Os modelos que podem ser desenvolvidos em conjunto serão fabricados no méxico, na fábrica da Chrysler em Toluca. Dalí eles irão para os EUA e Canadá, e alguns virão para o Mercosul, assim como a Dodge Ram, Chrysler PT Cruiser e o Dodge Trazo, que estão para chegar ao Brasil em Junho próximo. Os novos modelos serão derivados do Punto, que fará surgir um hacht para a Dodge, o Panda Cross que dará vida a um veículo econômico para a Jeep, o Linea serviria de base para uma reestilisação do Dodge Caliber (irmão menor do Journey) e o Alfa Romeo 159, que compartilharia peças com os novos Chrysler Sebring e Dodge Avenger. Esses últimos seriam produzidos na fábrica do grupo americano na cidade de Michigan, nos EUA, para serem comercializados somente nos Estados Unidos, México e Canadá.