Chrysler irá fechar oito fábricas até o fim do ano que vem

Chrysler / Fiat / Mercado

Chrysler irá fechar oito fábricas até o fim do ano que vem

chrysler_new_logo01_thumb[1] Após o pedido de concordata e de ter fechado parceria com a Fiat. A Chrysler ainda luta pela própria sobrevivência, requerendo mais empréstimos dos governos dos Estados Unidos e do Canadá e com um plano de fechar oito unidades de produção até o fim do ano que vem. Mas isso não inclui a fábrica mexicana onde são produzidos os modelos PT Cruiser, Ram e Journey, vendidas no mercado brasileiro. Os dois países ainda irão emprestar mais US$ 4,5 bilhões à Chrysler, para que ela tenha uma sobreviva, até 15 de junho, prazo máximo para que suas dívidas sejam pagas. Caso isso não aconteça, existe o risco do acordo entre as duas fabricantes seja cancelado até 15 de julho. Tudo depende da formação de uma nova empresa que deve nascer da união entre Fiat e Chysler. Uma empresa que deve ser financeiramente saudável. Por causa das medidas que serão tomadas para sobrevivência da marca norte-americana modelos como os sedãs Sebring e Avenger, logo devem deixar de serem produzidos.