Universidade britãnica desenvolve ignição a laser em conjunto com a Ford

Europa / Sustentabilidade

Universidade britãnica desenvolve ignição a laser em conjunto com a Ford

tecnicDentro de pouco tempo, uma das principais partes do motor dos carros poderá ganhar uma novidade. Segundo um estudo que vem sendo realizado pela Universidade de Liverpool, na Inglaterra, em parceria com a Ford, as velas de ignição podem ser substituídas por um sistema de raios laser. A maior das vantagens desse novo sistema, é o custo de manutenção. Que é praticamente nulo, já que não é necessário ser trocado periódicamente. Além disso, segundo os pesquisadores, o laser é mais eficiente e facilita a partida dos motores em baixas temperaturas, comuns no inverno europeu. Enquanto as velas dão inicio a combustão a partir de um ponto fixo, os raios laser podem ser direcionados a vários pontos da câmara de combustão simultaneamente, otimizando a queima de combustível. Aumentando a eficiência do motor e reduzindo as emissões de poluentes.