Barrichello vence em valência e conquista a 100ª vitória brasileira na Fórmula 1

F1

Barrichello vence em valência e conquista a 100ª vitória brasileira na Fórmula 1

  MOTOR-RACING-PRIX/ Rubens Barrichello saiu do jejum de cinco anos e voltou ao lugar mais alto do pódio neste domingo. O piloto da Brawn foi o campeão do GP de Valencia, na Espanha, ficando à frente de Lewis Hamilton, que foi o pole na largada, e do finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, que chegou em terceiro.AUTO-F1-PRIX-EUROPE-VALENCIA-BARRICHELLO O resultado deste domingo garantiu a Barrichello sua décima vitória da carreira, além da segunda posição no Mundial deste ano, com 54 pontos. Esta também foi a centésima vitória de um brasileiro na Formula-1. O inglês Jenson Button, companheiro de Barrichello na Brawn, ainda lidera a disputa com 72 pontos, apesar da sétima posição alcançada no GP de Valencia. Barrichello era o único brasileiro na pista – Nelsinho Piquet foi dispensado pela Renault e Felipe Massa, da Ferrari, recupera-se do acidente sofrido no GP da Hungria. A última vez que Barrichello tinha vencido uma corrida, foi no GP da China de 2004, quando ele ainda estava na Ferrari.  Barrinchello dedicou sua vitória aos brasileiros, e principalmente ao seu amigo, Felipe Massa. Após o excelente desempenho nos treinos de sábado, quando conseguiu a pole e o segundo lugar na largada, a McLaren era a favorita para levar o GP deste domingo, mas uma trapalhada da McLaren nos boxes, fez a estratégia da Brawn dar certo,  entregando a vitória a Barrichello. Depois disso, ele só precisava manter a distância entre seu Brawn e a McLaren de Hamilton. MOTOR-RACING-PRIX/ Após os lugares do pódio, está Heikki Kovalainen (McLaren) que foi o 4°, Nico Rosberg (Williams) o 5°, Fernando Alonso (Renault) o 6°, Jenson Button (7°) e Robert Kubica (8°), ambos da BMW. Luca Badoer (Substituto de Massa na Ferrari) cometeu vários erros e terminou na penúltima posição, revelando sua falta de adaptação à Fórmula 1 atual – o italiano estava afastado dessa categoria há dez anos. A próxima etapa do Mundial de Fórmula 1 é no dia 30 de agosto, na Bélgica. Classificação final do GP da Europa: 1º – Rubens Barrichello (BRA) Brawn-Mercedes – 1h35m51s289
2º – Lewis Hamilton (ING) McLaren-Mercedes – a 2s358
3º – Kimi Raikkonen (FIN) Ferrari – a 15s944
4º – Heikki Kovalainen (FIN) McLaren-Mercedes – a 20s032
5º – Nico Rosberg (ALE) Williams-Toyota – a 20s870
6º – Fernando Alonso (ESP) Renault – a 27s774
7º – Jenson Button (ING) Brawn-Mercedes – a 34s913
8º – Robert Kubica (POL) BMW Sauber – a 36s667
9º – Mark Webber (AUS) Red Bull-Renault – a 44s910
10º – Adrian Sutil (ALE) Force India-Mercedes – a 47s935
11º – Nick Heidfeld (ALE) BMW Sauber – a 48s822
12º – Giancarlo Fisichella (ITA) Force India-Mercedes – a 1m03s614
13º – Jarno Trulli (ITA) Toyota – a 1m04s527
14º – Timo Glock (ALE) Toyota – a 1m26s519
15º – Romain Grosjean (FRA) Renault – a 1m31s774
16º – Jaime Alguersuari (ESP) Toro Rosso-Ferrari – a uma volta
17º – Luca Badoer (ITA) Ferrari – a uma volta
18º – Kazuki Nakajima (JAP) Williams-Toyota – a três voltas Fonte | Motorpasion Brasil