Opel quer vender mais fora da Europa, e isso inclui o Brasil

Brasil / Mercado / Opel

Opel quer vender mais fora da Europa, e isso inclui o Brasil

Opel-Astra_2010_800x600_wallpaper_04 Em entrevista para o jornal alemão Tagesspiegel, o CEO da General Motors Europa, Nick Reilly, anunciou que estudanda expandir a marca Opel para fora da Europa, como a Autrália e a América do Sul, logicamente, incluindo o Brasil. Ele também quer aumentar as vendas da marca em países onde ela vende pouco, como a África do Sul e a China. Opel-Meriva_2011_800x600_wallpaper_0c A ideia é boa. Na Austrália, onde a GM é representada pela Holden, a Opel já tem uma imagem boa no mercado, já no Brasil onde, se eu não me engano, a marca nunca este oficialmente, seria uma atitude um tanto ousada. Seria legal ter no Brasil as novas gerações do Astra, Zafira e Meriva, e curioso ver o modelo antigo sendo oferecido com o mesmo nome e por outra marca, no caso a Chevrolet. Opel-Insignia_2009_800x600_wallpaper_29Opel-Insignia_2009_800x600_wallpaper_3e  Mas o que a Opel quer é expandir sua marca na China, o mercado mais promissor em vendas de automóveis, mas onde a Opel só conseguiu vender 3.000 unidades em 2009. A Opel quer vender 200.00 unidades/ano na China, mas o desafio é que ela deverá se associar a alguma empresa chinesa para isso, segundo a legislação daquele país.

Fonte | Carro Online

  • Darthvex

    O problema da Opel na China é que já está lá, como Buick. Aqui está deixando de estar, pq a Chevrolet está usando a Daewoo como plataforma física e de design.