Eis o Fiat Freemont 2012, Dodge Journey para os mais chegados

Dodge / Fiat / Salão de Genebra

Eis o Fiat Freemont 2012, Dodge Journey para os mais chegados

fiat-freemont-00
E assim a Fiat começa a usar os carros do Grupo Crysler para completar sua gama de modelos. A Fiat pegou o Dodge Journey, mudou um pouco o para-choque frontal, para vender o crossover no mercado Europeu, onde substituirá o Fiat Ulysse, que saiu de linha no ano passado. fiat-freemont-02
Com lugar para 7 passageiros o Fiat Freemont tem porta-malas com capacidade para até 1.461 litros, com os bancos rebatidos. O bom é que o interior do Journey foi reestilizado no fim do ano, e as novas formas mais arredondadas, assim como o acabamento de melhor qualidade, deverão agradar mais que o anterior. fiat-freemont-01
A Fiat irá oferecer o modelo com um motor a gasolina, 3.6 V6 Pentastar da Chrysler, com 276 cavalos, e a Diesel serão duas opções do Fiat Multijet 2.0, com 140 e 170 cavalos de potência. A versão menos potente será a única com câmbio manual e sem tração 4×4.De série o modelo contará com ar-condicionado trizone, entrada sem chave, controle de cruzeiro, computador de bordo e rádio com tela touch-screen. A apresentação do modelo irá acontecer em março, no Salão de Genebra, Dodge-Journey_2011_800x600_wallpaper_0b
Fonte |
Autoblog

  • O problema é que se lançado no Brasil, a Fiat teria que colocar um valor parecido ao Ford Edge ou Hyundai Santa Fé, 110 até 130 mil. Isso graças as nossas taxas de importações e carga tributárias. Pois a versão R/T da Dodge Jorney, inferior a este modelo já chega a 105 mil. O jeito é comprar uma casa no Paraguay, para poder compar carros por lá, hehe.

  • Anônimo

    achei muito elegante acho que deveria ser lançado logo ao mercado mercado brasileiro faria um sucesso tremendo de vendas . por que a fiat tem mas concessionárias que a dodge sendo assim o acesso ao carro melhoraria