Obama comemora crescimento da GM, Ford e Chrysler nos EUA; mercado estado-unidense ultrapassa a China em vendas

Chevrolet / Chrysler / Fiat / Ford

Obama comemora crescimento da GM, Ford e Chrysler nos EUA; mercado estado-unidense ultrapassa a China em vendas

NYT2009010712113002C
As três grandes montadoras norte-americanas – Ford, Chrysler e GM – voltaram a lucrar. A feliz informação veio do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no Labour Day (o dia do trabalho estado-unidense, que lá é comemorado na primeira segunda-feira do mês de setembro). As três marcas foram afetadas na crise econômica de 2008, e a GM quase fechou as portas. Depois do episódio dramático – três anos depois, especificamente, o mercado norte-americano ultrapassou o da China. Grande parte do lucro das empresas deve-se ao investimento fornecido pelo governo.

A GM, que assustou seus fãs em 2008 com a possibilidade de fechar, e que fez com que marcas como Pontiac e Hummer se despedissem do mercado, registrou 18% de lucro, enquanto a Ford cresceu 11% e, a Chrysler, 31%. Essa diferença considerável deve-se ao fato dela ter sido adquirida pela Fiat, que realizou muitas mudanças importantes na linha da marca, que agora conquistou a confiança dos norte-americanos em períodos pós-crise. Chevrolet-Cruze_2011_1600x1200_wallpaper_0c           Ford-Mustang_V6_2011_1600x1200_wallpaper_04   Chrysler-Town_and_Country_2011_1600x1200_wallpaper_02 
Obama, em um discurso feito em Detroit, no estado de Michigan, sede das três marcas, elogiou o desempenho das “Big Threes” (as três grandes), comentando o crescimento do número de empregos nestas montadoras. Recentemente, o mercado estado-unidense registrou curiosidades. O Cruze, por exemplo, superou o Camry em vendas em junho, embora esteja atrás do sedan nipônico nas vendas de agosto.

Enquanto isso, nas concessionárias norte-americanas… 

500_sport_air_014
Outro fato a comemorar é o crescimento das vendas de carro nos EUA no período de janeiro a julho de 2011. O crescimento é de 0,9% em relação ao mesmo período de 2010. Essa ascenção, embora um pouco atrás do crescimento de outros mercados como o russo (26,8%) e alemão (10,6%), foi o suficiente para ultrapassar a China em vendas, algo inédito. O Brasil continua sendo o quarto maior mercado do mundo, na frente de outros países como o Japão, e somou um crescimento de 0,9%. No exato 100º lugar do ranking, está o Fiat 500. Ele registrou 3.106 unidades vendidas em agosto, seu mês de estreia nos Estados Unidos, vendas comparáveis às do i30 no Brasil em agosto. O 500 vem alcançando boas vendas nos Estados Unidos, e vendeu relativamente bem. A centésima colocação deve-se à variedade e aos gigantes números de vendas do mercado norte-americano.  Confira os 10 carros mais vendidos dos EUA em agosto:

PosCarroVendas em AgostoCresc. em relação a agosto de 2010Posição em julhoVendas em 2011Cresc. anual em relação a 2010Pos. nos mais vendidos de 2011Pos.  em agosto de 2010
1Ford F-Series48.7952%1361.9787%11
2Chevrolet Silverado36.3828%2252.7387%22
3Toyota Camry30.185-2%3204.670-7%33
4Nissan Altima23.01624%6176.19818%47
5Chevrolet Cruze21.087*4169.427*6116
6Dodge Ram P/U21.24312%8153.45224%1310
7Hyundai Sonata20.682-3%7156.58022%1112
8Ford Escape20.60739%5167.62530%813
9Honda Accord18.439-18%13162.375-16%94
10Ford Fusion17.92511%10168.92916%78

*O Chevrolet Cruze não era vendido em tal época, portanto, não há dados de porcentagem nas comparações com 2010.

Com informações do MotorDream, Best Car Selling Blog, UOL Carros