Uruguai escapa do aumento do IPI

Mercado

Uruguai escapa do aumento do IPI

cheryuruguai
Se o problema das montadoras “nacionais” era com as chinesas e coreanas, o governo brasileiro abriu uma brecha para algumas delas trazerem seus carros sem o aumento do IPI em 30 pontos percentuais. O governo brasileiro entrou em acordo com o Uruguai para que os veículos produzidos no país vizinho sejam liberados do aumento do imposto. Sim, o Uruguai pertence ao Mercosul (aliás, a sede da organização está lá), mas sua indústria automobilística é baseada em carros montados com peças importadas no regime CKD. De lá vem os Lifan 320 e 620 e Chery Tiggo e Face montados com peças chinesas, e o Kia Bongo, com peças coreanas. Estes escapam do aumento do IPI. Fonte | Reuters