Honda assume culpa pelo mau desempenho do Civic nos EUA

Honda / Mercado

Honda assume culpa pelo mau desempenho do Civic nos EUA

2012 Honda Civic Si Sedan
A Honda aparentemente foi mais legal com o mercado brasileiro e não trouxe o Civic 2012 com visual exatamente igual ao norte-americano, visualmente mais simples que o nosso, que contam, por exemplo, com bloco elíptico nos faróis. Mas isso é o de menos. Com 85% de seus componentes modificados o novo Honda Civic piorou nos estados unidos, o que fez as vendas do modelo despencarem nos últimos 10 meses. Honda-Civic_2012_1280x960_wallpaper_1c
Uma verdade é que, estéticamente, o sedã regrediu. O anterior tinha apelo futurístico, e isso iria mesmo dificultar o trabalho da Honda. Mas uma involução também teria ocorrido no comportamento dinâmico do Civic e na qualidade do interior (o mesmo do brasileiro, que realmente foi empobrecido). Enquanto o Wall Street Journal, concluiu que a nova geração é "uma traição", ele saiu da lista de recomendados da Consumer Reports. E isso para a Honda, que assumidamente leva à sério o Feedback do consumidor, não foi nada bom. Tacanobu Ito, CEO da Honda, assumiu a culpa pelo mal desempenho do Civic nos Estados Unidos, onde as vendas caíram 15%, sendo que o mercado cresceu 10%. Para evitar maiores prejuízos, a Honda irá adiantar a reestilização do Civic (que irá além do visual) prevista para 2014, usando como base a versão vendida no mercado europeu, onde, como aqui, o Civic não é um mero carro de entrada.
2012 Honda Civic HF
Fonte |
Carscoop