Salão de São Paulo – Toyota Prius chega com preço salgado

Híbridos / Salão de São Paulo / Toyota

Salão de São Paulo – Toyota Prius chega com preço salgado

DSCF5028[5]
A Toyota apresentou algumas novidades no Salão de São Paulo. Até mesmo o próprio Etios, nas versões hatch e sedã, ainda era uma relativa novidade, tendo sido lançado há alguns poucos meses. Mas, sem dúvida, o grande destaque da montadora japonesa em São Paulo foi o híbrido Prius. E, se por um lado a chegada dele foi um avanço para o nosso mercado, por outro foi razão de algumas reclamações da mídia. Se finalmente o brasileiro tem a oportunidade de ter um carro híbrido – somando-se ao Fusion Hybrid e o Mercedes S400 Hybrid –, por outro ele chega custando R$ 120 mil, ou seja, preços novamente impraticáveis para o nosso mercado. E que provavelmente continuarão impraticáveis até que o Governo coloque os híbridos e – futuramente – os elétricos em posição mais privilegiada, dada a economia e apelo ecológico que possuem. IMG_2965
O Prius já vendeu mais de 2,8 milhões no mundo todo desde que foi lançado, em 1997. E a Toyota aproveitou a vitória da equipe oficial de fábrica nas 6 Horas de São Paulo – com o TS030, que também é híbrido – para reforçar esse tipo de tecnologia da marca.
DSCF5412

A tecnologia, que segue o conceito chamado de “Hybrid Sinergy Drive”, foi bastante reforçada por Luiz Carlos Júnior, vice-Presidente da Toyota Mercosul, explicando que através desse conceito os carros podem rodar tanto com apenas um motor, como com os dois juntos, a depender da demanda de potência, torque ou economia.Na ocasião, Luiz Carlos Júnior também entregou a chave do primeiro Prius brasileiro para o jogador Zico – que ainda tem um Celica que ganhou no Mundial de Clubes em 1981. O começo das vendas dele no País será em 2013. 
DSCF5027[4]
O Prius, como muita gente já deve saber, é movido por dois motores – um a gasolina e um elétrico – que combinados, geram 138 cv de potência, sendo que, graças à combinação dos motores, o híbrido pode ter médias de consumo de 21 km/l completado por transmissão automática. No painel há visores digitais de velocidade, e de outras informações do carro. Além da versão comum, há também o GS, que possui maior apelo esportivo. A coletiva da Toyota ainda teve a presença do Presidente da Toyota Mercosul, Shun Nakanishi, que ressaltou a resposta positiva dos consumidores quanto ao Etios, e revelou que há planos de aumentar a produção do – ainda novo – compacto para 100.000 unidades.
IMG_2966
Fotos | Henrique Rodriguez, Pedro Ivo Faro