Peugeot 208 terá vendas iniciadas oficialmente no próximo fim de semana

Brasil / Lançamentos / Peugeot

Peugeot 208 terá vendas iniciadas oficialmente no próximo fim de semana

Hatch quebra um hiato de 15 anos entre gerações

1 (47)
As vendas do novo Peugeot 208 começam oficialmente neste próximo sábado (13). Mesmo com a prorrogação do IPI reduzido até o fim de dezembro, a Peugeot irá manter o preço do hatch para evitar que ele fique bem mais barato que o irmão, o Citroën C3. Produzido na fábrica de Porto Real (RJ), o 208 foi a principal atração da marca no Salão Internacional de São Paulo de 2012 e marca uma revolução na linha francesa, uma vez que o 207 europeu não foi vendido aqui. É a primeira geração nova do modelo desde seu lançamento em 1998. Os preços partem de R$ 39.990. O design aposta nas novas linhas da Peugeot e abusando da elegância em todos os ângulos. Na dianteira, o diferencial está nos faróis e no capô, que destaca o logotipo da Peugeot. Na traseira, os olhares estão centrados na lanterna em forma de bumerangue. No interior, destaca-se a posição do volante, mais baixa do que o habitual, e a posição mais elevada do quadro de instrumentos. No console central está uma central multimídia touchscreen, disponível a partir da versão intermediária Allure. 1 (42)
A versão de entrada é a Active, que custa a partir de R$ 39.990. Já a intermediária, a Allure, custa R$ 45.990 e passa a oferecer a central multimídia touchscreen, teto panorâmico, faróis de neblina e volante em couro. A topo de linha Griffe, a partir de R$ 50.690 (manual) e R$ 54.690 (câmbio automático com paddle shifters) adiciona luz diurna de LEDs, ar-condicionado dual zone, rodas de liga leve de 16 polegadas e sensor de chuva, estacionamento e de luminosidade. Além do duplo airbag e ABS, o 208 foi considerado um dos três modelos de melhor custo de reparabilidade em caso de acidentes em um teste feito pelo CESVI.  A garantia, seguindo a tendência do seu segmento, será de três anos. As revisões deverão ser feitas a cada 10 mil quilômetros ou um ano de uso (o que ocorrer primeiro) e deverão ser as mais acessíveis do segmento no caso das versões equipadas com o motor 1.5, totalizando R$ 810 nas três primeiras revisões. Já o 1.6 soma R$ 890. 1 (45)
Ele poderá ser equipado com o 1.5 Flex , que garantiu a etiquetagem de consumo A (nota máxima) do Inmetro, disponível na Active e Allure, e pelo 1.6 flex. O 1.5 é o antigo 1.4 repaginado, diga-se de passagem. O lançamento do 208 não irá trazer a imediata aposentadoria do 207, que deverá seguir na faixa dos R$ 28-30 mil até o lançamento de um compacto projetado em conjunto com a GM.

Fonte | Peugeot