[1° de abril] Renault pretende reintroduzir Lada no mercado brasileiro

Lada / Renault / Segredos

[1° de abril] Renault pretende reintroduzir Lada no mercado brasileiro

Carro-chefe da fabricante russa, novo Niva será um Duster com motor diesel e tração 4×4

Lada Duster
Fora do Brasil desde 1995, a fabricante russa Lada é controlada pela aliança Renault-Nissan desde meados do ano passado. Além de compartilhar projetos entre as marcas – carros da Lada serão usados para recriar a Datsun – o grupo quer aproveitar a oportunidade para  reintroduzir a Lada no mercado brasileiro. O primeiro produto da marca por aqui será uma variante do Duster com motor Diesel e tração 4×4. O objetivo é aproveitar a boa imagem que os carros da Lada tem entre quem realmente usa um SUV no off-road para vender o Duster. O Renault Duster 4×4 com motor 2.0 flex é bastante valente na lama, mas a questão é que a marca Renault não transmite segurança quanto a isso. Por ainda não ter nome definido, a versão Lada do Duster é chamada nos corredores do complexo industrial no grupo Renault-Nissan em São José dos Pinhais (PR) de “Projeto Vladivostok”. Para distanciar o Renault do Lada, além de detalhes visuais o “russo” contará com motor Diesel importado da Europa, um 2.0 dCi Energy que gera 130 cavalos com torque poderoso de 33 kgfm. A transmissão será manual de seis marchas, e a tração é 4×4 com seleção da tração eletrônica, feita pelo motorista por meio de um botão no painel com as posições 2WD, Auto e Lock. A função Lock junto à 1° marcha bastante curta, simulam uma caixa reduzida, o que perante o Denatran foi suficiente para o projeto ser homologado com motor Diesel. Fala-se nos bastidores que este Lada será o SUV Diesel mais forte e barato do País. Projeção | João Brigato/Brigato Design Esta é uma notícia de mentira de 1° de abril.