Amsia Motors quer ter fábrica no Sergipe

Amsia

Amsia Motors quer ter fábrica no Sergipe

Fabricante quer produzir híbridos e elétricos no Brasil

AmsiaMotors-solenidade
Desconhecida, a fabricante saudita Amsia Motors deu esta semana o primeiro passo para erguer uma fábrica de veículos verdes no Sergipe, mais exatamente em Barra dos Coqueiros, na Região Metropolitana de Aracaju. O governador do estado, Jackson Barreto, o presidente da marca de origem árabe, Mustafa Zeauddin Ahmed, e o  príncipe saudita Faisal Al Saud, investidor do grupo, assinaram um protocolo de intenções na úlrima quinta-feira, 27. Amsia Wayhad electric car copy
As negociações entre a Amsia e o governo de Sergipe teriam começado há 11 meses. O estado ofereceu isenção de impostos, como ICMS e IPTU, além de recursos da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE) e do programa Inovar-Auto, do Governo Federal. Amsia concept-1
Segundo o cronograma, as obras devem começar em até 14 meses. A capacidade produtiva inicial será de aproximadamente 25 mil veículos por ano. A Amsia afirma que fará investimentos na casa de R$ 1 bilhão no país, gerará 4 mil empregos diretos e ainda criará um pólo de empresas fornecedoras em Sergipe. A produção seria escoada por um porto localizado no mesmo estado.
002b copy
A Amsia, que atua por meio de parcerias com montadoras chinesas,  e é controlada por um grupo árabe, tem vaículos em diversos segmentos, além de ônibus e caminhões. Ela planeja fabricar no Brasil híbridos e elétricos, projetados para o mercado brasileiro. O primeiro modelo a ganhar cidadania sergipana será um compacto, que posteriormente dará origem a uma família, composta por sedã e SUV. Um subcompacto também estaria nos planos da Amsia. Atualmente, produtos da marca são versões verdes de modelos chineses, como o Komi (foto acima), feito com base no carro que conhecemos como Effa M100, e o Selvo S30 originado a partir do Jinbei S30.