Salão de Buenos Aires – Fiat mostra 500L e Panda 4X4

Fiat / Salão de Buenos Aires

Salão de Buenos Aires – Fiat mostra 500L e Panda 4X4

Gama argentina está repleta de modelos europeus

IMG_6880
A Fiat Argentina é, até certo ponto, bastante independente da brasileira. Em um mercado onde a venda de importados não é tão dificultada, se dá ao luxo de importar da Turquia o Bravo e o Doblò – da segunda geração, ainda por cima – que vende, além de também oferecer o pequeno furgão Qubo. Seguindo esta linha, a Fiat argentina também passará a vender nos próximos meses o 500L e o Panda 4X4, duas novidades apresentadas no Salão de Buenos Aires. IMG_6438
Fabricado na Sérvia, o 500L substituiu o Idea na Europa. E é uma boa evolução. Amplo, o monovolume tem 4.147mm de comprimento, 1.784mm de largura e 1.665mm de altura, e o bom porta-malas ainda possui diversas subdivisões. O acabamento do interior também revela evolução frente ao Idea no que diz respeito a qualidade e ergonomia.
IMG_6443
Mesmo após o lançamento do 500L, previsto para o final do ano, o Idea continuará a venda na Argentina. O novo monovolume ficará um posto acima, e será equipado com motor 1.4 16v Fire de 95 cv, acoplado a um câmbio manual de 6 marchas.
IMG_6409
Primo rico do Uno, o novo Panda também será lançado na Argentina no final deste ano. Fabricado em Pomigliano d’Arco, perto de Nápoles, ele está equipado com motor bicilíndrico de 875cc, TwinAir 8V Turbo de 85 CV acoplado a uma caixa de câmbio de 6 marchas, que na versão 4X4 trabalha em conjunto com um sistema de transmissão de tração integral do tipo "torque on demand", que incorpora dois diferenciais e uma junção controlada eletronicamente.
IMG_6452
Seguindo a lei europeia, o Panda 4×4 terá ESP de série, assim como bloqueio eletrônico do diferencial, que freia a roda que perde contato com o solo, em velocidades inferiores a 50 km/h. A suspensão elevada,pneus M+S e protetores inferiores deixam mais clara a aptidão do carrinho para cair na terra.
IMG_6453IMG_6406