Fiat trabalha em motores inéditos para o Brasil

Brasil / Fiat / Segredos

Fiat trabalha em motores inéditos para o Brasil

Novo 1.0 deverá ser mais esperto que o atual 1.4 Fire EVO

uno_way_040
Regras do Inovar-Auto estabelecem que motores de carros nacionais se tornem mais eficientes após 2016. Isso está mobilizando as fabricantes e deverá resultar em um bom avança na tecnologia de motores usados no país. A Fiat é uma delas. Segundo o Autos Segredos ela está trabalhando em novos motores 1.0 e 1.4 que entrarão no lugar dos atuais Fire Evo. De quebra, AINDA deve atualizar os 1.6 e 1.8 E.TorQ. Fala-se que o novo 1.0 terá três cilindros e 12 válvulas, aos moldes do recém-chegado motor da Volkswagen. Sua estreia deve ocorrer em 2014, com a reestilização do Uno, prometendo até melhor desempenho que o do 1.4 atual. Este, por sua vez, será substituído por um propulsor novo. Ainda sem previsão de lançamento, este quatro-cilindros manteria o esquema 8v, sem ser o 1.4 16v Multiair utilizado hoje pelo 500. Em relação aos 1.6 e 1.8 da família E.torQ, a Fiat pretende aplicar mudanças para torná-los mais potentes e econômicos. A intenção será encostar nos Sigma da Ford e Ecotec da Chevrolet, mas também nada de tecnologia Multiair por enquanto.