Porsche faz lançamento mundial do 918 em alta velocidade

Porsche / Salão de Frankfurt

Porsche faz lançamento mundial do 918 em alta velocidade

Superesportivo híbrido bate recorde de tempo de volta em Nurburgring P13_0778_a5_rgb
Que o Porsche 918 RS Spyder seria lançado já não era novidade pra ninguém. Que ele teria propulsão híbrida também, e tampouco soa novo aos nossos ouvidos que ele carregaria o melhor que a Porsche já colocou em um carro (sim, o mítico Carrera GT ficou para trás…). Mas daí a ele trucidar o recorde de volta de Nurburgring Nordschleife? Bom, acho que a Porsche não poderia conseguir um “cartão de visitas” melhor que esse para o seu novo superesportivo. P13_0788_a5_rgb O 918, que gera 887 cv combinando-se a potência dos dois motores, foi ao mítico traçado alemão (que quase se tornou o túmulo de Niki Lauda, só para lembrar mais uma vez a estreia de Rush amanhã) no dia 4 de setembro. E, logo na primeira tentativa o carro já superou o antigo recorde do circuito. E, ao final de todas as tentativas, o tempo foi baixado para 6 minutos e 57 segundos. Apenas para constar: nenhum carro de produção havia conseguido menos de sete minutos até hoje na pista de 20,6 quilômetros de extensão. Isso representa 14 segundos a menos sobre o recorde anterior, que durou quatro anos.
P13_0786_a5_rgb Para atingir tal feito, o carro não recebeu nenhuma modificação, contando apenas com o pacote “Weissach” opcional, que melhora a direção, e usaram os pneus Michelin de fábrica (desenvolvidos especificamente para o 918) e, para realçar a beleza visual, a pintura da Martini, ainda que com a carroceria preta.
P13_0781_a5_rgb Para atingir o feito, três pilotos diferentes conduziram o carro: O ex-campeão mundial de Rali Walter Röhrl, o piloto de testes da Porsche Timo Kluck e o piloto da fábrica no Mundial de Endurance, Marc Lieb, que foi quem conseguiu o tempo recorde, com média horária de 179,5 km/h. Apesar do recorde ter sido de Lieb, todos os pilotos fizeram tempos abaixo do recorde anterior. P13_0777_a5_rgb