Renault Wind tem produção encerrada

Fim de Carreira / Renault

Renault Wind tem produção encerrada

Vendas pífias motivaram a decisão

autowp.ru_renault_wind_gordini_uk-spec_2
Basicamente a versão conversível do Renault Twingo, o Renault Wind teve sua produção encerrada, segundo a edição americana da revista Car&Driver. Dentro de pouco tempo, quando se esgotarem os estoques, o conversível terá seu fim declarado na Europa. autowp.ru_renault_wind_gordini_uk-spec_1
Lançado em 2010,  o Wind só tem espaço para dois ocupantes e tem como destaque seu teto rígido de duas peças, com funcionamento semelhante ao da Ferrari 575 Superamerica, que leva apenas 12 segundos para fechar ou abrir. Independente da posição do teto, o porta-malas tem espaço pequeno, de 270L. Seus motores variavam entre um 1.5 Diesel de 85cv e um 1.6 à gasolina de 130 cavalos. O problema é que nestes três anos de produção ele sempre esteve muito abaixo das expectativas da Renault. A meta inicial era negociar 75 mil exemplares por ano, mas o volume nunca passou de 7 mil carros. Nem mesmo a recente edição Gordini deu fôlego extra.
renault_wind_collection_1