Eis a nova geração do MINI Cooper

Lançamentos / MINI

Eis a nova geração do MINI Cooper

Não parece, mas retrô inglês passou por mudanças profundas

P90139359[2]

A nova geração do clássico inglês acaba de ser revelada. Cada vez maior, o carro recebe alterações estéticas suaves, mantendo os contornos clássicos. As principais novidades são os motores e transmissões, incluindo um 1.5 de 3 cilindros e 134 cv. Apenas de parecer muito com a geração atual, segundo a marca, o projeto é completamente novo.

P90139193[2]

A carroceria cresce 92 mm, atingindo 3,821 metros de comprimento. As outras dimensões aumentam alguns centímetros. A largura agora é de 1,727 metros e a altura de 1,414 mm. Medidas maiores no exterior permitem ao carrinho oferecer maior espaço interno, para os ocupantes e para as bagagens: o porta-malas aumenta em 30%, atingindo 211 litros.

P90139404[2]

O novo desenho da parte frontal é mais agressivo e imponente, o que se repete na lateral, com vincos fortes e linha de cintura elevada. Na traseira as lanternas são maiores e os vincos são mais pronunciados. É o primeiro carro da categoria a contar com faróis e lanternas totalmente de LED. Seu interior é muito interessante, mantendo o circulo ao centro do painel, que abriga uma tela multifuncional. O acabamento melhorou e todos os elementos ganharam novo desenho.

P90139315[2]

Sob o capô a versão de entrada do MINI Cooper conta com o 3 cilindros 1.5 de 134 cv e 22,4 kgfm de torque. Com isso o consumo médio de gasolina é de bons 22,7 km/l, com emissões de CO2 na casa dos 105 gramas por km rodados. A próxima versão da gama é equipada com um diesel quatro cilindros 1.5 de 114 cv e 27,5 kgfm, com emissões de 95 g por quilometro rodado e consumo médio de 25,6 km/l.

P90139110[2]

A versão Cooper S conta com motor 2.0 a gasolina, de quatro cilindros, 189 cv e 28,8 kgfm. Neste caso as emissões de CO2 são de 133 g/km e o consumo é de 17,85 km/l, nada mal. A transmissão será manual de seis velocidades de série, com opção automática também de seis marchas. Quem optar pela caixa automática terá ainda uma variação esportiva, que realiza a troca mais rapidamente e conta com paddle shift. Em breve novas motorizações serão oferecidas, uma menor, no Mini One, e outras mais potentes como o diesel do Cooper SD e o propulsor a gasolina do MINI Cooper JCW.

P90139348[2]

Na lista de equipamentos rodas de 15 polegadas para as versões de entrada, 16 para os S e as opcionais de tamanhos maiores, até 18 polegadas. Na Inglaterra seus preços partem de 15,3 mil libras esterlinas. A chegada da nova geração à outros mercados ainda não tem data definida. Gostou? Fique com a galeria com mais de 250 imagens oficiais do carro nas versões Cooper e Cooper S.