Peugeot apresentará o luxuoso Exalt Concept em Pequim

Conceitos / Peugeot / Salão de Pequim

Peugeot apresentará o luxuoso Exalt Concept em Pequim

Modelo representa o relançamento da Peugeot como marca Premium na China

exalt-1403kl002-1
Dentre os carros que estarão aos olhos dos expectadores no Salão de Pequim de 2014, um certamente deverá chamar bastante atenção: O Peugeot Exalt Concept. Ainda que a palavra “Concept” ao lado do nome indique uma certa distância das ruas e avenidas, o sedã tem muita coisa viável para ser produzido. Mas também tem muitas coisas que estão mais para carros de sonho. Com ele a Peugeot quis interpretar de uma maneira própria a definição de luxo num carro. exalt-1403kl003-1
A ideia da Peugeot ao fazer o Exalt foi de criar um conceito diferente dos carros conceito atuais, seguindo de certa forma o que o Onyx já havia feito em 2012. A diferenciação começa no tempo levado (18 meses, contra os 8 comuns a um carro-conceito), e segue pelas cores, pois simplesmente não há cor na maior parte da carroceria, sendo o aço “cru”. A ideia da montadora francesa foi justamente essa: fazer um carro sem pintura. E, na parte traseira, a pintura aplicada é o que é chamado de “pele de tubarão”. De acordo com a marca, essa pintura ajuda a reduzir o consumo, uma vez que é mais aerodinâmica que a pintura convencional. Apesar do comprimento normal para um sedã (4,70 m), ele é bem mais baixo que um, com 1,31m. Cerca de 10 cm mais baixo que um Corolla, por exemplo.
exalt-1403kl011-1
Mas abrindo a porta e olhando o interior, percebe-se que ele tem mais de conceito que possa parecer, ainda que de uma forma diferente dos carros-conceito atuais. O Exalt apela para um luxo sem igual no interior, com uma profusão de madeira e couro tratado de dar inveja às marcas mais caras do mundo. A superfície da madeira, por sinal, traz desenhos de leões em baixo relevo, e várias telas retráteis multifunção se escondem dentro do painel. Já os comandos disponíveis ao motorista ficam em teclas, como se fizessem parte de um piano.
exalt-1403kl005-1
Por baixo de tudo isso se encontra um conjunto que existe nas ruas. A plataforma é a mesma EMP2 encontrada no atual 308 (o europeu, não o nosso), e o conjunto motriz é o Hybrid4 da Peugeot, com o 1.6THP do RCZ R, de 270 cv, aliado a um motor elétrico de cerca de 70 cv.
exalt-1403kl010-1
A ideia da Peugeot é, com o Exalt, relançar a marca no segmento de luxo na china, algo que a Citroën fez com a linha DS, já que o mercado chinês é um tanto atrativo para o grupo PSA. exalt-1404style002-1