Mercedes Classe G ganha substituto em 2017

Mercedes-Benz / Segredos

Mercedes Classe G ganha substituto em 2017

Novo jipão terá tanta tecnologia quanto um Classe S

G 65 AMG
Fóssil vivo, o Mercedes Classe G se prepara para a aposentadoria. Em produção desde 1979, sem grandes alterações a nível estrutural desde então, o jipão ganhará um substituto em 2017, aponta a revista britânica Autocar. Este novo modelo se destacaria pelo chassi do tipo monobloco, no lugar da carroceria sobre chassi do atual, e pela tecnologia embarcada, que não ficaria devendo nada ao Classe S. mercedes-benz_g_63_amg_us-spec_4
Prezando por uma melhor estabilidade e por maior eficiência de combustível, o novo SUV teria boa parte de sua estrutura feita de alumínio, o que reduziria seu peso em cerca de 200 kg, sua suspensão passaria a ser independente nas quatro rodas e a direção ganharia auxílio elétrico. A tração integral poderia conservar os três bloqueios de diferencial e o câmbio será automático de nove velocidades. Considerando que a Mercedes quer oferecer toda a tecnologia embarcada do Classe S, ela terá uma espécie de Range Rover.
G-Klasse
A situação do Mercedes Classe G é parecida com a do Land Rover Defender. Ele também foi criado para uso militar e teve seus direitos de fabricação cedidos a outras empresas, mas para uso estritamente militar. Por ser completamente diferente de qualquer outro Mercedes, o G teve sua produção delegada para a austríaca Magna Steyr e hoje suas versões mais vendidas são as brutais G 63 e G 65 AMG.
autowp.ru_mercedes-benz_g-klasse_3