Eis o novo Audi TT Roadster

Audi / Lançamentos

Eis o novo Audi TT Roadster

Modelo chega em três versões e estreia no Salão de Paris
audi_tt_roadster_2.0_tfsi_quattro_s-line_1

  Em março a Audi apresentou a nova geração do esportivo TT. E, para completar a linha do modelo, faltava a versão conversível. Agora não falta mais. A fabricante de Ingolstadt reservou para o Salão do Automóvel de Paris a versão sem-teto do esportivo, que, tal qual o cupê, traz boas novas. audi_tt_roadster_2.0_tfsi_quattro_s-line_10
O coeficiente aerodinâmico continua bom, principalmente quando com a capota fechada. Ela, aliás, é um dos destaques do novo conversível, tendo alumínio e magnésio em sua armação e pesando apenas 39kg e levando apenas 10 segundos para ser aberta. Esta operação pode ser feita a até 50 km/h, e o porta-malas leva 280 litros de bagagem.
audi_tts_roadster_6 Graças ao uso da plataforma MQB do grupo Volkswagen (que também é compartilhada por Golf e Audi A3), o TT Roadster pesa 1.320kg e tem à disposição dois motores, sendo um 2.0 turbo a gasolina, que gera 230cv e torque de 37,7kgfm, e a diesel, com 184cv e 38,7kgfm. E, para os que gostam de (ainda) mais desempenho, a Audi trouxe também a versão TTS (o modelo amarelo das fotos), que tem o mesmo motor 2.0 do TT Roadster “comum”, mas retrabalhado para render 310cv e 38,7kgfm, aliados aos câmbios manual de seis marchas ou automatizado S-Tronic de dupla embreagem. Com esse conjunto o conversível é capaz de alcançar os 100 km/h em 4,9 segundos, com máxima limitada eletronicamente em 250 km/h.
audi_tts_roadster_2 A tração é integral (de série no TTS e opcional no TT a gasolina) distribui o torque entre os eixos conforme a aderência disponível. E, como era de se esperar, o TT Roadster traz também uma série de “mimos”. Há o seletor de programas de condução Drive Select, controle eletrônico de amortecimento, rodas de até 20 polegadas (opcionais no TTS), faróis de LED, sistema de navegação com comando MMI Touch e sistema de áudio Bang & Olufsen de 680 watts.