Macacão utilizado por Senna ganha réplica colecionável

F1

Macacão utilizado por Senna ganha réplica colecionável

Cada réplica custa 5 mil euros e tem seu certificado de autenticidade

tuta_senna_con_teca_nera_final_1
Ayrton Senna, tema da vitória, capacete amarelo e macacão vermelho. Imagem mais clara do ídolo, impossível. A italiana OMP Racing, responsável por produzir os macacões utilizados por diversas lendas da Fórmula 1, decidiu homenagear o Brasileiro no ano em que sua trágica morte completa 20 anos. Em parceria com o Instituto Ayrton Senna, a empresa vai lançar uma edição limitada do macacão usado por Senna no Grande Prêmio do Japão de 1991, quando se tornou tricampeão mundial da categoria. Serão produzidas apenas 41 réplicas,  alusão ao número de vitórias do brasileiro na Fórmula 1, com preço de 5 mil euros por unidade.  Todos os modelos serão produzidos da mesma forma que foram feitos em 1991 e serão entregues pela OMP emoldurados e com um certificado de autenticidade. Como é de praxe em produtos de Senna, parte do valor arrecadado será revertido em favor do Instituto Ayrton Senna, gerido pela irmã do piloto, Viviane Senna. O Instituto Ayrton Senna ajuda mais de 2 milhões de crianças e jovens em todo Brasil. 19910ayrtonsennalw0
A OMP foi responsável pelos equipamentos de Senna de 1989 a 1994 – ano do fatídico acidente em San Marino – mas decidiu homenagear o macacão usado em 1991 devido ao momento da carreira do piloto. A peça é idêntica à usada por Senna em 1991, incluindo os logotipos de patrocinadores e a cor da McLaren na época, o vermelho.