BMW mostra nova S1000 XR em Milão

BMW / Salão de Milão

BMW mostra nova S1000 XR em Milão

Tourer quer concorrer com modelos como a Ducati Multistrada

10754435_712670542154816_1278381083_o
O Salão de Milão trouxe boas surpresas, como a BMW S1000 XR, nova aventureira da marca bávara que usa a base da já respeitável naked S1000 R – inclusive no que diz respeito ao motor. E o melhor de tudo é que ela tem destino certo para o Brasil já no primeiro semestre do ano que vem. 10800241_712670538821483_1796877258_o
A nova BMW chega para competir num segmento que está ficando disputado, o das tourer premium, ou seja, motos que topam percursos acidentados mas que não abrem mão de refinamento, tecnologia e alto desempenho. Entre as rivais estão modelos bem quistos, como a Ducati Multistrada 1200 e a KTM 1290 Super Adventure. A BMW transpira esportividade, em muito graças ao conjunto mecânico herdado da superbike  S1000 R, um quatro cilindros de 999 cilindradas, que, por sua vez, é uma versão “mansa” do motor da superesportiva S1000 RR. No total são 160cv de potência a 11.000rpm, com torque máximo de 11,42kgfm a 9.250giros. Em termos de desempenho, a nova BMW fica pau a pau com a Ducati Multistrada em termos de potência, mas a italiana tem ligeira vantagem no torque graças ao comando de válvulas variável. Em ordem de marcha, a BMW pesa 228kg e o tanque tem 20 litros.
10807691_712670548821482_1030354364_o
E outro destaque da moto, além do estilo agressivo, realçado pela condução de dirigir elevada e pelas suspensões, é a eletrônica. De série ela traz freios ABS parcial ou desconectáveis, sistema ASC de controle de estabilidade em curvas e modos de pilotagem “Rain” e “Road”. Ainda há opcionais como o ABS Pro, que é capaz de controlar a frenagem em terrenos inclinados. Há ainda o controle de tração dinâmico DTC e os modos de condução “Dynamic” e “Dynamic Pro”, além da suspensão eletrônica Dynamic ESA.