ABS ou CBS passam a ser obrigatórios em motocicletas a partir de 2016

Leis / Motocicleta

ABS ou CBS passam a ser obrigatórios em motocicletas a partir de 2016

Introdução dos equipamentos acontecerá aos poucos

11-Honda-CBR250R-f-brake Seguindo a linha dos automóveis, que foram obrigados oferecer airbags e ABS de série, agora são as motocicletas que receberam a obrigatoriedade. Publicada hoje, a resolução 509 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) torna obrigatório o sistema antitravamento de freios em motocicletas, motonetas, triciclos e quadriciclos novos a partir de 2016. A resolução torna obrigatória a aplicação de um dos assistentes de frenagem e acontecerá aos poucos. No primeiro ano de vigência da norma, por marca, 10% das motocicletas novas produzidas e vendidas no país terão de ter ABS ou CBS. No ano seguinte esta exigência passará para 30% e para 60%, em 2018. A partir do dia 1º de janeiro de 2019, todos os modelos terão de sair com um dos dois itens. abs_motos
O popular ABS, sistema que impede o travamento das rodas durante a frenagem e o CBS, que combina a atuação dos freios durante uma parada, ajudando a manter o controle do veículo, são comuns em motos de maior cilindrada e preço. De acordo com a medida, as motos abaixo de 300cm³ obrigatoriamente terão que ter o CBS de fábrica e oferecer o ABS como opcional. Já as mais potentes, com mais 300cm³, o ABS será obrigatório.