Porsche anuncia mudanças na linha e Macan ganha versão mais barata

Brasil / Lançamentos / Porsche

Porsche anuncia mudanças na linha e Macan ganha versão mais barata

“O patrão ficou maluco!”…

  porsche_macan_s_us-spec_6
Em épocas difíceis para o mercado de automóveis no país, a Porsche alterou sua gama de modelos no país. Entretanto, não houve canibalismo: a montadora alemã ampliou sua oferta de versões e passou a oferecer uma versão mais acessível do SUV de entrada Macan, que agora parte de R$ 299 mil. As novidades também atingiram o irmão maior Cayenne e o Panamera. O Macan, proposta da Porsche para o segmento de SUVs premium, alavancado pelo lançamento do Evoque em 2011, passa a ser oferecido com um propulsor 2.0 de 237 cavalos movido a gasolina por pouco menos de R$ 300 mil. Estarão mantidas a caixa de marchas automatizada de dupla embreagem e sete velocidades PDK e o controle de tração PTM. A variante “espartana” será seguida da intermediária, S, que parte de R$ 399 mil. Por fim, a topo-de-linha é a versão Turbo, que custa salgados R$ 519 mil. porsche_cayenne_s_16
O Cayenne também foi contemplado por uma nova versão: a Turbo S, já abençoada pela nossa senhora dos absurdos. Por R$ 969 mil – 619 mil a mais que o Cayenne mais básico, ela oferece um brutal V8 4.8 de 550 cavalos, capaz de levá-lo da inércia a 100 km/h em 4,5 segundos. Por fim, as alterações cessam na linha Panamera. O cupê de quatro portas que arrancou polêmicas de fãs puristas da montadora ganhou duas novas configurações: o GTS, com um V8 4.8 e 440 cavalos, partindo de R$ 799 mil, e a Turbo S, que faz uso do mesmo propulsor do Cayenne Turbo S reajustado para 570 cavalos. Por isso tudo, deve-se pagar R$ 1.169.000. No Brasil, ele só perde para o 911, que custa a partir de R$ 1.199.000. porsche_panamera_4s_3