Nova geração do Chevrolet Malibu aparece em Nova York

Chevrolet / GM / Lançamentos / Salão de Nova Iorque

Nova geração do Chevrolet Malibu aparece em Nova York

Sedã tem novo visual e está maior e mais eficiente

2016-Chevrolet-Malibu-1
Mais longo e mais leve, com maior espaço interno e eficiência no consumo de combustível. Assim a Chevrolet destaca o novo Malibu, que teve sua nova geração revelada em Nova York. O sedã teve a distância entre-eixos alongada em 9,1 centímetros e está cerca de 136kg mais leve que o modelo atual. A dieta foi à base de uma maior utilização de aços de alta resistência. No total, o comprimento aumentou 5,8cm, enquanto a largura permaneceu a mesma. 2016-Chevrolet-Malibu-2
Com as novas dimensões, o Malibu ganhou espaço interno. Lá dentro, inclusive, a Chevrolet decidiu aumentar o recheio. Estão presentes o sistema MyLink, com som, navegador e Bluetooth, numa tela sensível ao toque de sete ou oito polegadas, além de wi-fi e duas entradas USB para os bancos traseiros. Há também novos itens de segurança, como sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, controles de velocidade e de frenagem e alertas de risco de colisão de pedestres e de mudança de faixa.
2016-Chevrolet-Malibu-5

Introduzindo alguns recursos da atual identidade visual da Chevrolet, como a grade bipartida, e os novos faróis – mais finos – o Malibu está com uma aparência mais elegante. O perfil também ganhou novos vincos, que adicionam personalidade ao design do sedã. A dianteira ainda mais insinuante, com uma aparência mais agressiva, e deixou de lado aquele velho ar de "tiozão", graças aos novos vincos no capô.
2016-Chevrolet-Malibu-6 2016-Chevrolet-Malibu-7Debaixo dele, aliás, se esconde um dos destaques da nova geração do Malibu. Trata-se do motor Ecotec turbo, que gera 160cv de potência e 25,5kgfm. Ele vem acoplado a uma transmissão automática de seis marchas e, com auxílio do sistema start-stop, alcança a média de 12,2 km/l na cidade e 15,9 km/l na estrada, de acordo com a Chevrolet. Estarão disponíveis também outras motorizações, como o 2.0 turbo de 250cv e 35,7kgfm, que trabalha junto à nova caixa automática de oito velocidades, e uma versão híbrida, movida por um 1.8 de quatro cilindros com injeção direta, que trabalhará em conjunto com dois motores elétricos, que resultarão numa potência combinada de 182cv. 2016-Chevrolet-Malibu-4