Renault Kwid é apresentado oficialmente

Renault

Renault Kwid é apresentado oficialmente

Compacto tem estilo próprio e será vendido de forma global

renault-kwid
Contrariando quem esperava pelo nome Kayou, a Renault enfim apresentou seu novo compacto Kwid, que empresta o nome do conceito homônimo mostrado em 2014 durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Além desta surpresa, a marca revelou ainda que o compacto será global, sendo a Índia o primeiro mercado a recebê-lo. renault-kwid-2
Uma dificuldade inicial a respeito do Kwid é saber especificar em qual categoria ele se enquadra, uma vez que seus 3,68 metros de comprimento são menores que os de um Clio e maiores que de um Chery QQ. Na largura, que é de 1,58 metro, o mesmo acontece. Já a altura em relação ao solo é quase igual a do Sandero Stepway, com 18cm.renault-kwid-3
Apesar disso, tido como um substituto do Clio vendido no Brasil, o modelo nasceu como um genuíno compacto aventureiro, com estilo semelhante ao do Sandero Stepway. Toda a base da carroceria tem plásticos sem pintura, que dão aspecto robusto, além da trama utilizada nas grades e dos grandes faróis de neblina. A traseira é o ângulo que mais lembra o conceito Kwid, com lanternas arredondadas e em posição alta. Por dentro o visual é típico dos modelos mais baratos da Renault, com desenho e materiais simples, comandos dos vidros elétricos no console central e o já conhecido sistema multimídia com tela sensível ao toque de 7 polegadas. O quadro de instrumentos é todo digital. renault-kwid-4
Na Índia, o Kwid chegará equipado com motor 0.8 e transmissão manual de cinco velocidades, prometendo bons números em termos de consumo de combustível. Por lá, ele deverá custar entre R$ 14.300 e R$ 19 mil.