CREATOR: gd-jpeg v1.0 (using IJG JPEG v62), quality = 75

CREATOR: gd-jpeg v1.0 (using IJG JPEG v62), quality = 75

BMW / Lançamentos

BMW Série 7 2016 é oficialmente revelado

Modelo ganha central multimídia com controle por gestos

bmw serie 7hg (Copy)

Após diversos flagras e imagens vazadas na web, o novo BMW Série 7 enfim foi revelado oficialmente. Com visual totalmente renovado e alta tecnologia embarcada, o luxuoso sedã tentará recuperar o tempo e as vendas perdidas para os rivais Mercedes-Benz Classe S e Audi A8. O modelo tem vinda certa ao Brasil.

bmw serie 7 2 - Cópia (Copy)

O estilo extremamente conservador do novo Série 7, típico do segmento de alto luxo, já tem sido alvo de críticas pelo mundo. A dianteira destaca a grade dupla da BMW que, assim como em outros modelos da marca, agora se une aos faróis. Por falar no conjunto óptico, este é composto integralmente por LEDs (incluindo os faróis de neblina), tendo como opcional o sistema de iluminação a laser registrado pela fabricante como Laserlight.

bmw serie 7 4 (Copy)

Apesar de adotar soluções convencionais, como a régua cromada que invade as lanternas, a traseira do sedã mescla sobriedade e esportividade, esta última reforçada pelas aberturas para o sistema de escape no para-choque. As lanternas, assim como os faróis, são iluminadas por LEDs. De lado, o Série 7 não nega suas origens: o capô longo, a cabine recuada e a janela lateral traseira curvada são marcas do modelo. Haverá duas opções de entre-eixos, sendo que a maior ganha 14cm para as pernas dos ocupantes traseiros. As rodas podem variar entre 17 e 21 polegadas de acordo com a versão.

Por dentro, o desenho do painel não reserva surpresas, tendo os mesmos traços vistos desde o Série 3, sedã mais barato da gama BMW. O acabamento, porém, ganha atenção redobrada. Diferente do Série 3, o Série 7 tem arremates em couro, alumínio e madeira, além de iluminação indireta em pontos estratégicos. Os bancos podem ser revestidos em couro Dakota ou Nappa. Quem vai atrás dispõe ainda de “cortinas” que interferem na incidência solar no interior do veículo.

bmw serie 7 5 (Copy)

O grande destaque tecnológico do modelo, além dos diversos comandos sensíveis ao toque, é a nova central multimídia iDrive com tecnologia de controle por gestos. Em funções como aceitar ou rejeitar uma ligação, basta passar uma mão em frente a tela, sem a necessidade de tocar na mesma. A chave do carro também fornece informações ao proprietário, como a autonomia do veículo, em um pequeno display colorido.

bmw serie 7 6 (Copy)

A BMW oferecerá alguns pacotes com itens especiais de tecnologia e conveniência, como o Executive Lounge, presente apenas para a versão de entre-eixos estendido que dá privilégios a quem vai atrás, adicionando ar-condicionado digital de quatro zonas, bancos traseiros com ventilação e massagem, mesa traseira com porta-copos e duas telas sensíveis ao toque. Também para a configuração maior, há a opção de teto panorâmico Sky Lounge Panorama. Todas as outras têm a disposição o sistema de áudio de alta fidelidade Bowers & Wilkins Diamonds e o odorizador de ambiente com oito fragrâncias diferentes.

bmw serie 7 3 (Copy)

A gama de motores do novo Série 7 será vasta. As versões 740i e 740Li (acrescenta-se a letra “L” para as configurações com entre-eixos maior) terão um seis cilindros 3.0 TwinPower Turbo de 326cv de potência e 45,9kgfm de torque, indo de 0 a 100km/h em menos de 5,5 segundos. Em seguida, as 750i xDrive e 750Li xDrive  serão equipadas com um motor V8 4.4 TwinPower Turbo de 450cv de potência e 66,3kgfm de torque. Os modelos irão de 0 a 100km/h em menos de 4,4 segundos e atingirão a velocidade máxima limitada eletronicamente de 250km/h.

Abastecidas a diesel, as versões 730d, 730Ld, 730d xDrive e 730Ld xDrive serão dotadas de um propulsor seis cilindros 3.0 turbo de 265cv e 32,6kgfm. De 0 a 100km/h, os modelos levarão menos de 5,8 segundos. A velocidade segue limitada a 250km/h.

bmwserie 7 (Copy)

Por fim, o Série 7 passará a ter sua variante híbrida. Batizada de 740e (além das 740Le e 740Le xDrive), terá um propulsor 2.0 turbo de quatro cilindros, uma bateria de íons de lítio e um motor elétrico de 95 cv. O conjunto entregará 326cv de potência, suficientes para levarem o sedã de 0 a 100km/h em menos de 5,5 segundos. O consumo é um dos grandes trunfos da versão: 47,6km/l. O modelo tem autonomia de 40km no modo totalmente elétrico, onde pode trafegar até 120km/h.