Porsche 911 terá versão híbrida em 2018

Porsche / Segredos

Porsche 911 terá versão híbrida em 2018

O esportivo ganhará potência e ficará menos poluente

porsche_911_carrera_4_coupe_uk-spec_7 (Copy)

Com regras cada vez mais exigentes no que diz respeito à emissão de CO2 na Europa, as fabricantes estão tendo que se adequar às novas legislações nem que isso custe a quebra de uma tradição. E é o que acontecerá com o Porsche 911. Segundo dois importantes executivos da marca, o esportivo alemão terá uma inédita versão híbrida em sua próxima geração, programada para 2018.

Segundo o presidente da marca, Frank Stefan Walliser, e o chefe do setor de desenvolvimento e pesquisa da Porsche, Wolfgang Hatz, o novo 911 (que terá sua geração batizada como 992) utilizará um novo conjunto formado por um motor a combustão e um elétrico, que estará presente, inicialmente, na versão Carrera 4 do modelo.

autowp.ru_porsche_911_carrera_4_coupe_4 (Copy)

A combinação, de acordo com os executivos, será feita com um motor naturalmente aspirado, e não com um turboalimentado, uma vez que o primeiro é mais leve. Apesar disso, o conjunto geral ficará mais pesado que o atual composto apenas por um propulsor a combustão, o que não será problema já que o motor elétrico instalado no eixo dianteiro será responsável pelo bom torque do esportivo e o arranjo somado gerará mais potência.

Ainda é cedo para dizer a respeito da força a ser entregue pelo 911 híbrido, mas os próprios engenheiros da marca já se mostram empolgados pelo fato de que o modelo ficará ainda mais “divertido” e econômico, além de seguir as normas de emissão, ficando menos poluente.