Salão de Frankfurt 2016 – Os esportivos

Ferrari / Lamborghini / Lançamentos / Volkswagen

Salão de Frankfurt 2016 – Os esportivos

Conversíveis são destaques de Ferrari e Lamborghini

IMG_9888

Imãs para o olhar de praticamente todos os visitantes, os esportivos do Salão de Frankfurt merecem a devida atenção. Ferrari, Porsche, Lamborghini, Peugeot e até mesmo a Brabus tem novidades importantes, ainda que distantes da realidade do Brasil.

IMG_9889

A Ferrari mostra o 488 Spider, atualização do 458 Spider. A diferença está no motor menor e turbinado, um V8 3.9 turbo de 670cv, estreado pela 488 GTB. O teto retrátil se abre em 14 segundos e o vidro traseiro regulável em três posições para otimizar a aerodinâmica quando com o teto aberto. Ainda há geradores de vórtices para direcionar o vento que passa sob o carro quando em alta velocidade para melhorar a aerodinâmica. , chega aos  100 km/h em 3 segundos – mesmo tempo do cupê – e após 8,7s já estará a 200km/h. A máxima é de 325km/h.

IMG_0053

A Lamborghini também tem novos conversíveis como destaque. O primeiro é o Huracán Spyder, com teto rígido fixo que se abre em 17 segundos em velocidades de até 50km/h. O acréscimo de 120kg em relação ao Huracán cupê quase não é sentido pelo motor V10 5.2 de 610cv de potência e 57,1kgfm de torque. O 0 a 100km/h é feito em 3,4 segundos, apenas 0,2 segundo mais lento que a versão fechada. A velocidade máxima é de 324km/h.

IMG_0057

Já o Aventador Super Veloce tem o motor V12 de 750cv, que o torna o roadster mais veloz Lamborghini feito até hoje. Com 1575kg, o SV Roadster pesa apenas mais 50kg que o Coupé, por causa dos reforços da estrutura. Até mesmo porque o teto retrátil é composto por dois paineis que pesam menos de 6kg cada. Consegue acelerar de 0 a 100km/h em 2,9 segundos (apenas 0,1 seg. mais lento que o coupé). A velocidade máxima é a mesma: 349km/h.

IMG_0060

Na Porsche a atração é a atualização do 911, que vai contra os puristas ao ganhar motor turbo mesmo em versões menos potentes, e ainda linhas atualizadas. A dianteira tem novas entradas de ar maiores e com desenho mais anguloso, além de dar continuidade ao discreto filete de LEDs. Os faróis ganharam um redesenho interno adotando quatro pontos de luzes como os irmãos SUVs Macan e Cayenne. Atrás mudam para-choque, com uma nova abertura nas extremidades, refletores maiores e difusor de ar mais pronunciado, lanternas, com relevos, e a tradicional saída de ar abaixo do vidro traseiro.

IMG_0063

O novo motor é o 3.0 bi-turbo de seis cilindros entrega 370cv de potência e 45,9kgfm de torque para a versão Carrera e 420cv e 51kgfm para a Carrera S. Com transmissão PDK e pacote Sport Chrono, o primeiro vai de 0 a 100km/h em 4,2 segundos, enquanto o segundo, que atinge a velocidade máxima de 308km/h, vai de 0 a 100km/h em 3,9 segundos.

IMG_9970

A Peugeot está um pouco mais perto do mundo real com o 308 GTI, equipado com o motor 1.6 turbo de 33,6kgfm de torque e transmissão manual de seis velocidades. Contudo, a potência pode ser de 250 ou 270cv. Enquanto a versão de 250cv vai de 0 a 100km/h em 6,2 segundos, a de 270cv faz o mesmo percurso em 6 segundos e tem ainda o diferencial Torsen de deslizamento limitado. Pesando 1.205kg, o modelo ficou 11mm mais baixo e recebeu atualizações na direção e no chassi, além dos freios de 380mm na dianteira e 268mm na traseira. A Peugeot destaca a possibilidade de desativação total dos sistemas de estabilidade e tração pelos motoristas que gostam de um frio extra na barriga.

IMG_9715

Na BMW chama atenção o M3 com design atualizado. O modelo só ganha lanternas full-LED, detalhes cromados na cabine e central multimídia atualizada com suporte para internet 4G. Sob o capô, o sedã esportivo traz um seis cilindros em linha que desenvolve 431cv e incríveis 56,1 kgfm de torque, disponíveis a partir de 1.850 rpm. A transmissão é automatizada de dupla embreagem e 7 marchas, com possibilidade de trocas manuais pelas borboletas no volante. Com esse conjunto, o M3, segundo a fabricante, alcança 100 km/h em apenas 4,1 segundo, partindo da inércia.

IMG_0084

Para comemorar seus 40 anos recém-completados, o Volkswagen Golf GTI ganha a versão Clubsport. Desta vez, ao invés de gerar 220 cv o 2.0 TSI rende 265 cv. Só que a potência máxima pode aumentar para 290 cv com overboost, que dura, no máximo, 10 segundos. O fôlego extra faz o sedã acelerar de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos.

IMG_9837

E para ir contra o comum, a Brabus, conhecida pelas versões de alto desempenho dos Mercedes e Smart, também mostra uma versão preparada do elétrico Tesla Model S. Não há qualquer mudança no conjunto mecânico, mas a empresa oferece pacotes visuais que envolvem desde adereços aerodinâmicos em fibra de carbono até rodas aro 21″ exclusivas.