Fim de Carreira / Land Rover

Produção do Land Rover Defender chega ao fim

Sucessor do modelo chega em 2018 com seis carrocerias

SONY DSC

Depois de 2.016.933 exemplares fabricados ao longo de 68 anos, chegou ao fim a produção do Land Rover Defender. Um evento comemorativo na fábrica de Solihull, no Reino Unido, responsável pelo modelo desde seu lançamento em 1948, contou com a presença de 700 colaboradores (atuais e antigos) que participaram na produção dos modelos Series (incluindo o Series I, seu primeiro nome) e do Defender.

Land Rover Serie I

Land Rover Serie I

O último carro foi um Defender 90 Heritage Soft Top, que reproduz características das primeiras fases do modelo. Ao mesmo tempo, a Land Rover anunciou a criação de um programa de restauração dedicado ao modelo, com equipe de mecânicos e engenheiros que estarão empenhados em manter a história do jipe.

Land Rover Série II

Land Rover Série II





A fabricante britânica também confirmou um substituto para o jipe britânico, que será lançado em 2018 e terá cinco versões de carroçaria: duas portas com teto rígido ou de lona, uma versão longa de quatro portas e duas pick-up, uma cabine simples e outra dupla.

Land Rover Série III

Land Rover Série III

Criado em 1948 como como Série 1, o Land Rover foi criado para uso agrícola no período pós-Guerra. Tinha motor 1.6 de 50cv e custava cerca de 460 libras. Só em 1958, com a chegada do Série 2, ganhou motor a diesel. Em 1966, já havia meio milhão de unidades comercializadas. Em 1971 chegou o Série 3, que depois se chamaria Defender sem passar por mudanças significativas. Chegou a ser montado pela Karmann-Ghia em São Bernado do Campo entre 1998 e 2005, e sua importação foi encerrada em 2011.

Land Rover Defender 110

Land Rover Defender 110