Fiat / Segredos

Prazer, eu sou o Fiat Mobi

Compacto aparece sem camuflagem nas versões Like e Way

FIAT MOBI WAY (1)

Com lançamento marcado para 18 de abril, o Fiat Mobi começa a aparecer limpo em novas fotos compartilhadas nas redes sociais, inclusive na versão Way. O compacto tem a missão de preencher a lacuna entre o Palio Fire e o Fiat Uno, substituindo o Uno Vivace (que mantém o design sem reestilização). Preços ficarão entre os R$ 30 mil e R$ 40 mil.

FIAT MOBI WAY (2)Sem deixar de lado a proposta urbana, o Fiat Mobi Way tem para-choques exclusivos. O dianteiro tem nicho exclusivo para os faróis dianteiros e peça sem pintura que simula um protetor de para-choque. Peça semelhante aparece na base do para-choque traseiro. A versão ainda tem grande rack no teto, faróis com máscara negra, rodas de liga leve aro 15″ e adesivo da versão na base da tampa do porta-malas – que é toda de vidro.

A foto da lateral, divulgada pelo site Autos Segredos, mostra a lateral da versão topo de linha Like em tom de azul criado para o lançamento do modelo. Este ângulo mostra elementos marcantes do design do Mobi: faróis compridos, vincos fortes que definem as caixas de roda e o prolongamento plástico dos vidros traseiros laterais. Perceba que as portas dianteiras tem o mesmo corte das do Uno, mas com superfície completamente diferente. O Uno também empresta o para-brisa dianteiro, herança da plataforma 327.

flagra_fiat_mobi_2017_sem_camuflagem

Veja também

As dimensões são parecidas com a do antigo Fiat Mille (que tinha 3,69m de comprimento, 2,36m de e.e, 1,54m de largura e 1,44m de altura) e não há grandes novidades mecânicas. O velho motor 1.0 Fire passou por mais uma atualização e agora chama-se Evo Second. Rende 80 cv com álcool e 75 cv com gasolina, e estaria mais econômico do que antes. Serve de paliativo até o lançamento do novo motor 1.0 GSE, com três cilindros e apenas 6 válvulas, no final de 2017.  O câmbio é manual de cinco marchas.

Pequeno e modesto

Fiat Mobi 1

Claro que para cumprir a proposta de preço acessível, o Fiat Mobi abrirá mão de muitos equipamentos. A versão de entrada Like terá de série itens como lavador e limpador traseiro, luz de leitura, Isofix, para-choques pintados e rodas de aço aro 14″. Assim, o preço inicial será de R$ 30 mil.

Fiat Mobi

versoes-mobi-inpiAcima dele está o Fiat Mobi Easy, que soma ar-condicionado, computador de Bordo, conta-giros, direção hidráulica, faróis de neblina, maçanetas e retrovisores pintados na cor do veiculo, para-brisa degradé térmico, predisposição para rádio com 2 alto-falantes dianteiros, 2 alto-falantes traseiros, 2 tweeters e antena.Isso por cerca de R$ 34 mil.

A versão mais completa é a Drive, que soma comando interno de abertura do porta-malas e da tampa do tanque de combustível, rádio Connect AM/FM MP3, retrovisores com repetidores de seta, revestimento externo nas colunas das portas, rodas de liga leve aro 15”, travas elétricas e vidros elétricos dianteiros.

A lista de opcionais é farta, com vários pacotes para todas as versões. Inclui desde terceiro apoio de cabeça, vidros elétricos traseiros, volante com regulagem de altura, porta-objetos no teto, tecido nas portas, chave canivete, retrovisor com ajuste elétrico e até mesmo central multimídia Uconnect com GPS e sensores de estacionamento traseiro. É, realmente, bem simples.

Parente na Europa

O Fiat Uno moderno deu origem à nova geração do Fiat Panda na Europa, e a Fiat aproveitará a relação do Panda com a plataforma 327 para lançar na Europa versão equivalente do Mobi que será fabricado em Betim (MG). Segundo o “Passione Auto Italiane”, a Fiat já está testando os primeiros protótipos do modelo em Pomigliano d’Arco, na Itália. Por lá, poderá ressuscitar o nome Topolino, dado à primeira geração do Fiat 500, vendida entre 1936 e 1955.

Fiat 500 "Topolino"

Fiat 500 “Topolino”

A diferença crucial em relação ao Mobi estaria na carroceria de duas portas, contra quatro do carro brasileiro. O motor seria o 0.9 TwinAir de 2 cilindros a gasolina, já utilizado no 500, Panda e Punto. Por lá, seus principais concorrentes seriam o Smart ForTwo, Renault Twingo e os gêmeos Peugeot 108, Citroën C1 e Toyota Aygo.

  • Tarcio

    Senhor, tenha compaixão deles pois não sabem o que fazem , ou , não tiveram uma visão melhor daquilo que fizeram

  • Junior Coelho

    Sei lá, mano… olhando de frente esse Mobi preto, parece o capacete do Darth Vader.

  • angel

    Eu achei bonitinho,só não teria porque não sou jovem,mas se tivesse uns 25 ,ele não me escapava,pois até meninas gostaram!!!

  • Erlon Radl

    meu deuz que bosta mais feia

  • Airplane

    Traseira chinesa (genérica) com lanternas desproporcionais que lembram o S18.
    A frente é melhor mas muito grande para o subcompacto.

  • Ander33x

    Só fico imaginando o preço desse MOBI Like com todos os opcionais, visto que os acessórios que vem de série são bem básicos.
    Mais um UP da vida….

    • Vinicius De Moraes

      A diferença é que o Up é um carro bom, com um design simples que não cansa, diferente desse SubUno.

      • Christian Sant Ana Santos

        Conte a experiência que teve com o Mobi para gente. Se for ruim igual o Meu Uno 1.4 Evolution, vou trocar meu take Up! no Mobi.

  • Alexander, NotTheKing

    A frente de Freemont em um subcompacto não ficou lá muito harmonioso, mas na cor preta até que ficou menos desproporcional.

    Não é feio, pelo contrário, mas tenho lá minhas ressalvas com este carro, ficou com um ar de Uno, logo, compre um UNO, que é maior.