Mercado

Até mesmo correias dentadas são vítimas de falsificação

kit-de-correia-dentada-gol-10-16v-power-2002-gates-167801-MLB20401841192_092015-F

Além de filtros e óleo, uma das primeiras coisas que você deve trocar ao comprar um carro usado é a correia dentada e seus esticadores. É uma forma de ter controle sobre estes componentes que são daqueles que tem prazo de validade. Basta o esticador estourar ou a correia arrebentar para que o motor saia do ponto e os pistões atropelem as válvulas. O dano é grande e o conserto fica entre os milhares de reais. O problema é que devemos desconfiar até mesmo das correias novas.

626-GATES-FALSIFICADO-DEST

Foto: O Mecânico

Justo a Gates, criada em 1911 e que inventou as correias em V (como a dentada) alerta para a existência de correias e tensionadores falsificados com sua marca. Em 2015 descobriram lotes falsos de correias para motores Volkswagen “Power 1.0” e GM “Família I”. Agora, envolve as seguintes correias para motores Fiat e Renault:

– Correia sincronizadora 40956x22XS, usada nos modelos Fiat Fire 1.0 8V (2001 em diante) e 1.4 16V (incluindo as versões T-Jet e MultiAir a partir de 2008). O código gravado na correia copiada é o 80 3 JB 134/133/132.

– Correia sincronizadora 40850x27XS, polia T41237 e tensionador T43064, usados nos motores Renault 1.6 16V. As peças são vendidas como um “kit original”. O código gravado na correia copiada é o 192 3 JB 141/140/139/138.

626-GATES-FALSIFICADO-2

Foto: O Mecânico

Os alertas vale mais para os lojistas e mecânicos, mas também é de interesse do consumidor, que muitas vezes é quem compra as peças de reposição. A Gates alerta os profissionais a desconfiarem de representantes que entregam os itens na hora E com preços abaixo do mercado, ou de quem diz que “foi demitido e recebeu a rescisão em peças”. “Recibos feitos à mão ou promessas de procedência da mercadoria não garantem absolutamente nada. Como são peças nitidamente copiadas, os fabricantes não têm nenhuma responsabilidade em caso de falha”, diz o gerente de marketing Fabio Murta.

Para o consumidor, vale ficar atento nas embalagens que seguem padrões antigos ou em correias que vierem em caixas brancas, sacos plásticos ou até fita adesiva. Para os lojistas a melhor forma de evitar problemas é sempre comprar as correias nos distribuidores oficiais da empresa e guardar as notas fiscais de cada pedido.

Para mais esclarecimentos com relação a casos de falsificação de seus produtos, a Gates coloca-se a disposição no telefone 0800-274-2837 e no e-mail suportetecnico@gates.com.

  • Pedro Cunha

    No lisarb não há, definitivamente, nada mais que não possa ser falsificado/adulterado. Somos fantásticos!