Lamborghini / Salão de Los Angeles

Lamborghini Huracan Spyder ganha versão de tração traseira

lamborghini-spider-huracan-6

Depois da versão cupê, o Lamborghini Huracan Spyder ganha versão com tração traseira no Salão de Los Angeles. Trata-se do LP580-2, projetada especialmente para os mais puristas que preferem a tração no lugar certo em vez da tração integral. Isso tem suas vantagens e desvantagens.

lamborghini-spider-huracan-7

Nesta versão, o motor V10 5.2 aspirado perde 30cv, passando a entregar 580cv, em vez de 610cv. O câmbio é o mesmo Lamborghini Doppia Frizione, de dupla embreagem e sete velocidades, porém, a ausência da tração integral lhe faz economizar 33 kg, mesmo que o conversível seja 120 kg mais pesado que o Coupé.

lamborghini-spider-huracan-5

A aceleração de 0 a 100 km/h se dá em 3,6 segundos (0,2 seg. mais lento que o Spyder AWD), com velocidade máxima de 319 km/h (menos 5 km/h).

lamborghini-spider-huracan-2

Por fora, a versão se difere pelas enormes entradas de ar dianteiras, para aumentar a pressão do ar sobre as rodas dianteiras em alta velocidade. Também não tem a asa traseira móvel e tem os próprios pneus Pirelli P Zero.