DS / Salão de Genebra

DS 7 Crossback é revelado oficialmente

citroen-ds7-crossback-33

O novo integrante da linha DS finalmente foi revelado em detalhes. Com apresentação marcada para o Salão de Genebra, o DS 7 Crossback apareceu sem disfarces em diversos flagras durante seções de fotos. Se o desenho externo não surpreende, seu interior é mais interessante.

citroen-ds7-crossback-12

O painel tem desenho horizontal e que continua para as portas. O volante de quatro raio abriga o logotipo da marca premium da Citroën, além de diversões botões e hastes para troca de marchas. São cinco opções para a forração em couro de bancos, console, volante, painel e alças de teto.

citroen-ds7-crossback-04

O maior destaque fica para a dupla de telas de 12 polegadas. Uma faz as vezes de quadro de instrumentos personalizável, outra abriga o sistema multimídia e controles do ar condicionado de duas zonas. O botão giratório abaixo da tela central pode ser cravejado com cristais.

citroen-ds7-crossback-32

A carroceria tem 4,57 m de comprimento, 1,62 m de altura e 1,89 m de largura. O exterior se destaca pelo conjunto ótico estreito, totalmente de LED e contornado por cromados. Estes também estão nos vidros laterais e para-choques. Para deixar o carro inconfundível, joias nos faróis e lanternas emitem uma luz violeta quando o carro é destravado.

citroen-ds7-crossback-26

O sistema híbrido E-TENSE está disponível, com motor a gasolina de 203 cv e dois motores elétricos de 111 cv cada. A potência máxima combinada é de 304 cv. Isto se deve à uma limitação da bateria, com capacidade para 13 kWh mas potência máxima de saída de 80 kW (108 cv). A tração é integral e o câmbio é automático de oito marchas.

As baterias são recarregadas nas frenagens ou em tomada, onde o tempo varia de 2,5 a 4,5 horas, de acordo com a potência do carregador. No modo totalmente elétrico a autonomia chega aos 59,5 quilômetros.

citroen-ds7-crossback-23

Além do híbrido, há cinco opções de motores a combustão. Com gasolina são dois THP, com 228 cv ou 183 cv e câmbio automático de oito marchas, e o Puretech de 132 cv com câmbio manual de seis marchas. As duas opções a diesel são os BlueHDI, de 132 cv e câmbio manual de seis marchas ou 183 cv e câmbio automático de oito velocidades.

O sistema DS Connected Pilot está disponível e inclui assistente de congestionamento, que acelera e freia automaticamente, ou modo autônomo onde controla também o volante em velocidade entre 29 e 180 km/h. Trata-se de um sistema autônomo que requer a atenção do motorista ao trânsito, de forma preventiva.

citroen-ds7-crossback-18

As primeiras unidades do DS 7 Crossback serão da série limitada “La Première”, disponíveis com o motor mais potente com cada combustível. Nesta série apenas a cores branco, cinza e preto serão oferecidas. Os pedidos serão feitos entre 07 de março (dia da apresentação em Genebra) e 31 de dezembro de 2017.

Galeria | Citroën DS 7 Crossback

  • Eli Rarvor

    Não é mais um Citroen, é um DS, é uma marca independente agora.

    • DanimarLazaretti

      Bem lembrado, corrigido!