Lançamentos / Mercedes-Benz

Mercedes AMG GT R terá apenas 10 unidades vendidas no Brasil

mercedes-amg_gt_r_30

Mais potente e leve do que o AMG GT S, o o Mercedes-AMG GT R já está com visto para vir ao Brasil. O esportivo terá 10 unidades importadas e cada uma terá preço equivalente a R$ 1,2 milhão. Os carros começarão a chegar no início do segundo semestre.

mercedes-amg_gt_r_41

Apesar do nome que, de imediato, remete ao superesportivo supremo da Nissan, o Mercedes-AMG GT R tem personalidade própria. Seu motor é o  V8 4.0 biturbo com 575 cv e 71,4 kgfm de torque, 75 cv e 12,2 kgfm a mais que o AMG GT S. Com 1554 kg, também é 90 kg mais leve que o GT S, o que, juntamente com o aumento de potência, lhe faz acelerar de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos (0,2 segundos mais rápido que GT S). A velocidade máxima subiu 8 km/h, para 318 km/h.

mercedes-amg_gt_r_40

A carroceria também novos elementos aerodinâmicos, com destaque para a grade AMG Panamericana, derivada do carro da versão GT3. Há enormes entradas de ar, spoiler dianteiro, asa traseira e aleta na parte inferior da carroceria que se move para baixo automaticamente, até cerca de 4 cm, para melhorar a circulação do ar, sempre que o carro ultrapassa os 80 km/h em modo Race.

mercedes-amg_gt_r_24

O escape é novo, 5,9 kg mais leve, e as rodas do eixo traseiro são direcionais e viram na direção oposta às da frente em velocidades inferiores a 100 km/h, e na mesma direção em velocidades superiores.

Por dentro, bancos AMG performance com cintos amarelos opcionais. Os detalhes amarelos também estão no painel de instrumentos.

Este slideshow necessita de JavaScript.