Lançamentos / Mercedes-Benz

Mercedes-AMG GT R começa a ser vendido em maio por R$ 1,19 milhão

mercedes-amg_gt_r_35

A Mercedes começa a vender no Brasil em maio o Mercedes-AMG GT R, versão mais potente e leve do AMG GT S. Com etiqueta de R$ 1.199.900, o esportivo terá 10 unidades importadas. As entregas do modelo terão início apenas em agosto.

mercedes-amg_gt_r_37

Seu motor é o  V8 4.0 biturbo com 575 cv e 71,4 kgfm de torque. São 75 cv e 12,2 kgfm a mais que o AMG GT S, graças a pressão maior em seus turbocompressores e a taxa de compressão menor. Com 1554 kg, também é 90 kg mais leve que o GT S, o que, juntamente com o aumento de potência, faz com que ele acelere de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos (0,2 segundos mais rápido que GT S). A velocidade máxima subiu 8 km/h, para 318 km/h.

mercedes-amg_gt_r_40

A carroceria também muda. Há novos elementos aerodinâmicos, com destaque para a grade AMG Panamericana, derivada do carro da versão GT3. Há enormes entradas de ar, spoiler dianteiro, asa traseira e aleta na parte inferior da carroceria que se move para baixo automaticamente, até cerca de 4 cm, para melhorar a circulação do ar, sempre que o carro ultrapassa os 80 km/h em modo Race.

mercedes-amg_gt_r_24

Ele ainda tem controle de tração com nove configurações. O que muda é que o motorista pode controlar o quanto as rodas traseiras podem derrapar. A propósito, as rodas do eixo traseiro são direcionais e viram na direção oposta às da frente em velocidades inferiores a 100 km/h, e na mesma direção em velocidades superiores.

Por dentro, bancos AMG performance com cintos amarelos opcionais. Os detalhes amarelos também estão no painel de instrumentos.

mercedes-amg_gt_r_34 mercedes-amg_gt_r_32 mercedes-amg_gt_r_25