Mercedes-Benz / Salão de Xangai

Mercedes mostra conceito que antecipa versão sedã do Classe A

Mercedes-Benz Concept A Sedan, 2017

Ter uma ampla gama de sedãs é fundamental para fabricantes ocidentais se darem bem na China, o maior mercado de automóveis do mundo. Talvez por isso a Mercedes-Benz tenha escolhido o Salão de Xangai para apresentar o Concept A Sedan, que antecipa futura versão sedã do hatch Classe A ao mesmo tempo que sinaliza mudanças no design da marca.

Mercedes-Benz Concept A Sedan, 2017

Sim, o CLA pode ser considerado como versão sedã do Classe A, mas seu perfil está mais próximo dos cupês de quatro portas e isso compromete bastante o espaço interno no banco traseiro. De perfil, o Concept A Sedan está mais próximo do Classe C: o teto tem caimento menos acentuado e, por isso, o terceiro volume (do porta-malas) fica melhor definido. Contudo, com 4,57 m de comprimento o A Sedan é 7 cm mais curto que o CLA.

Mercedes-Benz Concept A Sedan, 2017

Agora repare que este tende a ser um sedã inconfundível em uma marca onde todos os sedãs só são reconhecidos de cara quando há alguma referência de escala. Os faróis com lados retos e arestas bem definidas remetem ao AMG GT Concept e a grade com aletas verticais parece inspirada no AMG GT R. Na traseira, as lanternas triangulares têm formato inédito na marca.

Não há, por enquanto, confirmação de que o Classe A Sedan realmente será lançado e conviverá com o CLA, ou se este será reposicionado. A única coisa certa é que boa parte das linhas deste conceito serão aproveitadas pela próxima geração do Classe A, que chega até 2019.

Mercedes-Benz Concept A Sedan, 2017

Mercedes-Benz Concept A Sedan, 2017