Lançamentos / Renault

Renault Kwid é apresentado e pré-venda tem início a partir de R$ 29.990

IMG_1345

O aguardado Renault Kwid para a América Latina foi apresentado oficialmente no Salão de Buenos Aires. O compacto já está em pré-venda, basta pagar mil reais para a reserva, através de cartão de crédito e em até três vezes. São três versões, com preços variando entre R$ 29.990 e R$ 39.990 para a pré-venda.

Renault-kwid-2018-11

Interessados em fazer a reserva podem utilizar o hotsite kwid.com.br ou ir até uma concessionária da marca. Quem comprar na pré-venda terá a primeira revisão gratuita, cinco anos de garantia – se o financiamento for feito pelo banco Renault- e prioridade na entrega. As primeiras unidades só chegam as lojas no final de julho.

Renault-kwid-2018-44

O desenho já conhecido do modelo indiano chega sem novidades. Para promover o Kwid como o “SUV dos compactos”, todas as versões possuem molduras pretas nas caixas de roda e para-choques. São sete opções de cores: Orange Ocre, Vermelho Fogo, Branco Marfim, Branco Neige, Prata Étoile e Preto Nacré.

Renault-kwid-2018-02

A altura do solo é a maior da categoria, com 18 cm de vão livre. São apenas 3 cm a menos que um Duster. Os ângulos de entrada e saída também ganham destaque: 24 e 40 graus, respectivamente. As dimensões são compactas: 3,68 m de comprimento, 1,59 m de largura, 1,47 m de altura e 2,42 m de entreeixos. O porta-malas comporta bons 290 litros. A versão básica pesa apenas 780 kg.

Renault-kwid-2018-26

O interior é simples, mas agrada. A economia é vista no quadro de instrumentos, sem conta-giros e computador de bordo na versão de entrada. Vidros elétricos apenas na frente e a partir da versão intermediária. Os comandos, claro, ficam no painel.

Renault-kwid-2018-10

O motor é o 1.0 SCe de três cilindros, em versão sem o duplo comando de válvulas variável presente em Sandero e Logan. Como resultado, a potência é reduzida para 70 cv com etanol e 66 cv com gasolina, sempre a 5.500 rpm. O torque é de 9,8 kgfm (etanol) e 9,4 kgfm (gasolina) a 4.250 rpm.

Renault-Kw-d-39

A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 15,5 s com gasolina e 14,7 s com etanol. A velocidade máxima é de 152 km/h com gasolina e 156 km/h com etanol. A promessa da Renault ao reduzir a potência é a melhoria do consumo. Em ciclo urbano são 15,2 km/l de gasolina ou 10,5 km/l de etanol – para a versão básica e seus modestos 780 kg.

Renault Kwid Life

Renault Kwid Life

Kwid Life – R$ 29.990

Versão de entrada, possui apenas com airbags laterais para motorista e passageiro, além dos obrigatórios freios ABS e airbag duplo frontal. Há ainda sistema isofix, indicador de mudança de marcha, desembaçador traseiro e predisposição para rádio. O quadro de instrumentos não possui conta-giros e computador de bordo.

Renault Kwid Zen

Renault Kwid Zen

Kwid Zen – R$ 34.990

A versão intermediária acrescenta direção elétrica, ar condicionado, conta-giros, computador de bordo, vidros dianteiros e travas elétricas. O rádio com Bluetooth, USB e auxiliar é opcional de R$ 400,00, elevando o preço para R$ 35.390.

Renault Kwid Intense

Renault Kwid Intense

Kwid Intense + Pack Connect – R$ 39.990

A versão mais cara teve seu preço divulgado apenas com o opcional Pack Connect. Partindo da Zen, adiciona retrovisores elétricos, sistema Media Nav 2.0, câmera de ré, rodas de liga leve de 14 polegadas, faróis de neblina e porta-malas com abertura elétrica.

Kwid Outsider

O conceito Outsider apareceu no Salão do Automóvel de São Paulo em 2016 e agora surge atualizado em Buenos Aires. Sem detalhes verdes, rack de teto, e plástico nas portas – substituídos por adesivos. Será a versão mais cara e tem chegada prevista para o início de 2018.

Galeria – Renault Kwid

Imagens | Divulgação/Renault e Fábio Perrota Junior