Lançamentos / Mercedes-Benz / Salão de Detroit

Salão de Detroit: novo Mercedes-Benz Classe G não deixa de ser ‘raiz’

Raro no Brasil, carro para poucos, o Mercedes-Benz Classe G avançou de geração no Salão de Detroit. O visual não muda muito, nada de linhas modernas e vincos neste que preserva a identidade dos jipões ‘raiz’. Mas um pouco de tecnologia foi empregada, como nos faróis, que agora são de LED.

Na cabine, o quadro de instrumentos é uma tela digital que se estende até o centro do painel. Outra tecnologia que convém destacar é a nova suspensão adaptativa, que trabalhando junto com a tração integral modifica seus parâmetros para se adaptar as condições de cada terreno enfrentado. Enquanto isso, os ocupantes viajam sobre bancos de couro que aquecem e são ajustados eletricamente. O aço escovado dá um toque de charme final ao acabamento.

Para impulsionar o novo G, um parrudo V8 4.0 litros de 422 cv e 62,2 kgfm de torque, trabalhado pelo novo câmbio automático de nove velocidades.