Fábricas

Ford encerra a produção de carros na Austrália após 91 anos

ultimo_ford_falcon_xr6_1

A Ford encerrou a produção de veículos na Austrália após 91 anos. O último carro a ser feito é o Falcon, na fábrica de Melbourne. Produzido localmente desde 1966, ele se despede, assim como sua versão UTE. O anúncio do fechamento das fábricas naquele país foi feito em 2013.

Leia mais ›

por 7 de outubro de 2016 Fábricas, Fim de Carreira, Ford

Volkswagen moderniza a fábrica de São José dos Pinhais

Produção do Novo Golf agora conta com nova área de solda

ViewImageA Volkswagen investiu na modernização da fábrica de São José dos Pinhais, com a ampliação de áreas produtivas e a instalação de equipamentos para a fabricação do Novo Golf. Foi criada uma nova área de Armação, com equipamentos mais eficientes, que proporcionam a economia de até 30% no consumo de energia, em comparação com processos anteriores.

Leia mais ›

por 22 de janeiro de 2016 Fábricas, Volkswagen

Mitsubishi planeja fechar sua fábrica nos Estados Unidos

Marca focará nas fábricas sul-asiáticas

mitsubishi_asx_4_uk-spec_16

Na contra-mão da estratégia adotada no Brasil, a Mitsubishi revelou seus planos de encerrar a produção de veículos em sua única fábrica nos Estados Unidos. Enquanto isso, em terras brasileiras, a marca reforça cada vez sua linha de montagem. Além de modelos como L200 Triton e ASX, a unidade de Catalão (GO) recentemente passou a produzir também o sedã Lancer.

Leia mais ›

por 29 de julho de 2015 Fábricas, Mitsubishi

Mercedes-Benz anuncia investimento bilionário para nova geração de compactos

1 bilhão de euros serão destinados à fábrica de Rastatt, na Alemanha

mercedes-benz_a_250_sport_4

Logo após apresentar a reestilização de meia-vida do Classe A, a Mercedes-Benz anunciou seus planos de investimento para a nova geração de sua linha de compactos. De acordo com a empresa, a fábrica de Rastatt, na Alemanha, poderá receber uma injeção de até 1 bilhão de euros nos próximos anos.

Leia mais ›

por 1 de julho de 2015 Fábricas, Mercedes-Benz

GM anuncia investimento milionário em modelo misterioso

Produção do novo modelo deve começar em até quatro anos

gm orion (Copy)

A General Motors anunciou um investimento milionário em sua fábrica de Orion, em Michigan (EUA). De acordo com a empresa, serão injetados 245 mil dólares na unidade para a produção de um modelo inédito e, segundo a mesma, “diferente de tudo que já passou por Orion em 32 anos de história”. A identidade do modelo, porém, é segredo.

Leia mais ›

por 23 de junho de 2015 Fábricas, GM, Segredos

Audi anuncia A3 Sedan flex nacional para setembro

Fábrica de São José dos Pinhais está em fase final de implementação

audi-a3-sedan-1.4 (Copy)

Cerca de um ano após o anúncio durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em 2014, a Audi dará início a sua produção nacional. Segundo comunicado oficial expedido pela montadora, a fábrica instalada em São José dos Pinhais, no Paraná, iniciará suas atividades no próximo mês de setembro.

Leia mais ›

por 19 de junho de 2015 Audi, Fábricas, Lançamentos

General Motors terá férias coletivas em cinco fábricas no Brasil

Só em Gravataí (RS) 10 mil funcionários serão atingidos

fabrica-chevrolet-gravatai-620x424 (Copy)

A crise que afeta inúmeros setores da indústria no Brasil tem se tornado cada vez mais forte na automobilística. Após paralisações e suspensões por lay-off de trabalhadores, a General Motors anunciou mais uma grande medida para conter a produção no país. A empresa dará férias coletiva aos funcionários de suas cinco fábricas brasileiras.

Leia mais ›

por 12 de junho de 2015 Chevrolet, Fábricas, GM, Mercado

BMW inicia produção do Série 3 no Brasil

BMW produz primeiro carro em sua fábrica em Santa Catarina

BMWBB6abre2
As medidas de sobretaxação dos importados e a revisão do acordo comercial com o México, ocorridas em 2011, foram medidas do governo federal para estimular a produção nacional, levando em conta o interesse de outras montadoras no mercado brasileiro. Pouco a pouco, três anos depois, os resultados estão surgindo. Agora chegou a vez da BMW, do segmento premium, que produziu seu primeiro automóvel, um Serie 3 branco, na sua planta de Araquari (SC). O primeiro a sair da linha de produção foi justamente o Serie 3, na versão 328i ActiveFlex. Em seguida, no final deste ano, será a vez do X1; o X3 deverá ter sua produção iniciada no início de 2015 e o MINI Countryman, no segundo semestre do ano que vem. O Serie 3 GT não teve sua produção nacional descartada. No total, a BMW produzirá quatro modelos e pretende fabricar 32 mil automóveis anualmente a partir de 2017. A planta recebeu um investimento de R$ 600 milhões e empregará 1.300 pessoas, além de outros 2.500 empregos indiretos entre fornecedores, concessionários e parceiros de negócios. O investimento, entretanto, terá influência direta nos preços praticados pelas concessionárias, uma vez que é necessário recuperar o valor investido na fábrica, segundo a própria BMW. BMWBB9abre
Dessa maneira, o Serie 1 terá preços variando de R$ 112.950 (116i) a R$ 173.950 (125i M Sport ActiveFlex); o Serie 3, de R$ 143.950 (320i GP ActiveFlex) até R$ 295.950 (335i M Sport); o X1 custará entre R$ 134.950 (sDrive 20i ActiveFlex) e R$ 179.950 (xDrive 28i Sport GP ActiveFlex). O X3 será seu a partir de R$ 199.950 (xDrive20i), podendo custar até R$ 289.950 (xDrive35i M Sport). O intervalo de preços do MINI Countryman ficará entre R$ 124.950 (Cooper S Exclusive A/T) e R$ 157.950 (John Cooper Works ALL4 A/T). A BMW pretende, ainda, ampliar a oferta de modelos no Brasil, garantindo uma flexibilidade nas opções oferecidas nas concessionárias. Por enquanto, as versões equipadas com o propulsor 3.0  seguirão sendo importadas. Por enquanto, foi o suficiente para conquistar sua tão esperada dupla cidadania, que já vinha sendo ensaiada com os motores flex dos Series 1 e 3 e X1.

por 10 de outubro de 2014 BMW, Brasil, Fábricas

Zotye deve ser a mais nova chinesa com passaporte brasileiro

Marca produz Palio, Siena e Strada sob licença na China e promete fábrica

fa7_zotye-z100-1
O mercado automobilístico brasileiro parece estar prestes a ganhar mais uma nova marca. A aventureira da vez é a Zotye, chinesa, que possui parceria com a Fiat, vendendo modelos como Palio, Strada e Siena no país da Grande Muralha. A meta da empresa é comercializar os veículos a partir do Salão Internacional de São Paulo, que acontece em outubro. Serão, a princípio, dois modelos, ambos importados da China. Pelo menos até a fábrica daqui ficar pronta em 2016. Z100 - traseira A fábrica será localizada em Colatina, no Espírito Santo. O estado já foi sondado para receber indústrias como as da CN Auto e na parceria em trio Ssangyong-Changan-Haima. A pretensão é oferecer um hatch de entrada, denominado N100. O modelo é um Suzuki Alto 2010 simplificado. Na China, é considerado um dos mais baratos do país e é fruto da compra de uma outra montadora, a Jiangnan Auto, que já vendia o modelo por lá. Z100 - interior
A Zotye, inclusive, vende a geração do Alto 1994 até hoje, custando pouco menos de US$ 3 mil, sendo o mais barato da China. O N200 é o nosso Palio G3 com a traseira o G1 modificada e dianteira que lembra os novos JAC, tendo a versão sedan, o Siena. O N100, mais simples, será equipado por aqui com um motor três cilindros. O segundo modelo é o SUV Hunter T200, que deverá concorrer com outros chineses como o Chery Tiggo e o Lifan X60. Segundo a representante no Brasil, o SUV terá um motor 1.6 de meros 100 cv e tecnologia Mitsubishi. O T200 é um Dahiatsu Terios 1997 remodelado. Hunter - quina dianteira
A Zotye tem capacidade de 250 mil veículos produzidos por ano, em quatro plantas, uma delas apenas de motores, que usam a tecnologia Mitsubishi conforme supracitado. Na América do Sul, atua no Chile, no Equador e no Uruguai. A marca promete organizar sua rede autorizada e as redes de distribuidores e também serviços como assistência 24 horas, pós-venda e preço fixo de manutenção, visando, segundo a própria Zotye, o mercado frotista. Ainda segundo a montadora, algumas cidades terão oficinas funcionando em horários noturnos e aos finais de semana. T200 - lateral Anos de Salão do Automóvel são sempre recheadas de especulações, principalmente pelas marcas chinesas. Algumas até chegam, mas tão silenciosamente que praticamente não notamos – vide o exemplo da S Auto. O Z100 realmente será o carro mais interessante da marca, e poderá fazer companhia ao Chery QQ no quesito equipamentos e acessibilidade. Se não houver atrativos, a seleção natural do mercado fará seu trabalho – até a JAC, com publicidade massiva, está fechando várias concessionárias para sustentar seu negócio. O mercado nacional evoluiu com airbag duplo e ABS obrigatórios e com a concorrência que correu para recuperar o tempo perdido. Agora as marcas chinesas precisarão subir um degrau se quiserem fazer a diferença por aqui. zotye_nomad_t200_3

por 3 de janeiro de 2014 Brasil, Fábricas, Zotye

Chery também terá fábrica de motores no Brasil

Fábrica ficará a 5 km da planta original de Jacareí (SP)

  Credito Fabio Aro/Chery/Divulgacao - Chery Celer A Chery, marca chinesa que atua no Brasil desde 2010, anunciou que irá construir uma fábrica de motores no país. O local será situado a apenas cinco quilômetros da linha de produção dos veículos. A pretensão é aumentar o número de componentes nacionalizados em seus modelos. A fábrica deverá começar a operar em 2015, um ano depois da previsão de fim das obras da planta de onde sairão seus futuros modelos nacionais. Por ora, a Chery não divulgou informações sobre estimativas de produção. Considerando que a fábrica da marca fica pronta em julho de 2014, as primeiras unidades nacionais estarão dentro de um hiato temporal onde apenas o motor será importado, enquanto a carroceria terá componentes nacionais e será montada na cidade de Jacareí (SP). Espera-se que tais propulsores sejam um 1.0 e um 1.5, respectivamente para o QQ e o Celer, mas outros motores não estão descartados. A construção da fábrica em territórios brasileiros ajudará a marca a ganhar descontos, e espera-se que, mesmo a passos lentos, a marca ganhe cada vez mais a confiança dos brasileiros – para isso, precisará apostar em outro campo: a qualidade. 

por 15 de novembro de 2013 Brasil, Chery, Fábricas, Segredos