Dacia

Nova geração do Duster é apresentada em Frankfurt

A Dacia apresenta a nova geração do Duster no Salão de Frankfurt. As primeiras imagens foram antecipadas pela fabricante há duas semanas, mas o interior permaneceu em segredo, até agora. Tal qual o desenho externo, o interior, o habitáculo evolui mas não impressiona.

Leia mais ›

por 12 de setembro de 2017 Dacia, Renault, Salão de Frankfurt

Dacia Logan MCV ganha versão Stepway na Europa

dacia-logan-mcv111

A Dacia apresentará no Salão de Genebra a versão aventureira da perua Logan MCV. Seguindo a leve reestilização do restante da linha, tem como diferenciais as molduras nas caixas de roda e novas rodas de 16 polegadas, entre outros detalhes.

Leia mais ›

por 22 de fevereiro de 2017 Dacia, Salão de Genebra

Nova geração do Duster será apresentada neste ano, versão de sete lugares fica para 2018

Novo Renault Duster 2016. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

Após oito anos sem grandes novidades, o Duster receberá uma nova geração. A apresentação será feita ainda em 2017, com as vendas iniciando em janeiro de 2018. A informação foi dada por Hakim Boutehra, diretor geral da Renault da Romênia. Uma importante novidade desta nova geração será uma versão alongada, com sete lugares.

Leia mais ›

por 25 de janeiro de 2017 Dacia, Renault

Renault apresenta Logan e Sandero reestilizados

renault-sandero-stepway

A Renault da França mostrou uma reestilização para Logan e Sandero. Este desenho será aplicado em diversos mercados, mas não há confirmação quanto ao brasileiro. A atualização aparece logo depois da versão da Dacia e trás linhas próprias.

Leia mais ›

por 11 de outubro de 2016 Dacia, Renault

Duster ganha câmbio automatizado Easy´R na Europa

SUV também tem novo motor 0.9 de 90cv

Duster Easy´R 2016 (2)

Câmbio automatizado de cinco marchas é uma das grandes novidades do Dacia Duster para a linha 2016, que será apresentada no Salão de Frankfurt. O câmbio é o Easy´R, que equipa Sandero e Logan no Brasil e na Europa, e que trabalha com o modesto motor 0.9 de três cilindros turbo de 90cv e 14,3kgfm de torque, que também é novidade.

Leia mais ›

por 7 de setembro de 2015 Dacia, Renault, Salão de Frankfurt

Perto de ser revelado, compacto da Renault é flagrado em testes

Destinado a mercados emergentes, modelo pode chegar também a Europa

renault kayou
Ainda sem nome definido, tratado apenas pelo código XBA e com chances de ser chamado de Kayou, o compacto de baixo custo da Renault destinado aos mercados emergentes está prestes a ser apresentado pela marca. Com estreia marcada para o próximo dia 20 de maio, o hatch foi flagrado em testes pelo site Indian Autos Blog. Programado para ser fabricado em Chennai, na Índia, o “Kayou” terá como base a plataforma CMF-A, sendo equipado com um motor 0.8 de até 50cv de potência e câmbio manual de cinco marchas. Como opcional, poderá ser oferecida uma transmissão automatizada. Rumores apontam que o modelo também terá espaço na Europa, onde será vendido como um integrante da linha Dacia abaixo do Sandero. Por lá, importado do Marrocos e com nome diferente, ele poderá custar algo em torno dos 5 mil euros, ou R$ 17 mil.

por 7 de maio de 2015 Dacia, Flagra, Renault

Dacia Duster Picape é adaptação para empresa de petróleo

Criada por empresa de customização, picape terá 500 unidades produzidas

dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_1
Se você se assustou com os flagras de uma picape do Duster flagrada em testes há algumas semanas, já pode ficar tranquilo. Aquela não era a picape compacta que a Renault está desenvolvendo sobre a plataforma do modelo, apenas uma adaptação feita sob encomenda da OMV Petrom, maior empresa da Romênia, que receberá 500 unidades da picape. dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_6
Feita praticamente sob medida para a empresa, a picape é resultado do trabalho da encarroçadora romena Romturingia, especializada em caçambas, baús e adaptações de vans e furgões em ambulâncias e carros-forte. A petrolífera encomendou 500 carros que serão entregues até o final de 2015, mas os 10 primeiros já estão prontos.
dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_2
Todos os carros são baseados no Dacia Duster equipado com motor 1.5 dCi (diesel) de 110cv e tração 4×4. No fim das contas a cabine é simples e a caçamba não é das maiores: tem 1,7m de comprimento e é capaz de transportar até 450kg de carga. Como na versão 4×4 o estepe não pode se alojado sob a carroceria, ele fica exposto na caçamba sustentado por estrutura própria.
dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_4
Diz a empresa que a picape teve desenvolvimento iniciado em 2012, quando a Dacia deixou de produzir o Logan Pick-up. Seria uma saída para a OMV Petrom ter um carro nacional para monitorar os mais de 9000 poços de petróleo que mantém ativos. Está longe de ser a picape mais proporcional do mundo, mas é o que eles tem pra hoje…
dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_5
Já a picape do Duster que será fabricada no Brasil será um meio termo entre as compactas e as médias, assim como a nova picape que a Fiat está desenvolvendo. Terá opção de cabine dupla e seu lançamento está previsto para 2015.
dacia-duster-pick-up-launched-as-limited-production-model-photo-gallery_3

por 7 de outubro de 2014 Dacia, Renault, Segredos

Dacia adianta o Lodgy Stepway, que estará no Salão de Paris

Monovolume romeno ganha visual aventureiro

download
A Renault estendeu a linha Stepway, que se popularizou no Sandero, para o Lodgy e sua versão minivan, o Dokker. O monovolume, vendido na Europa sob o logotipo da Dacia, não está nos planos da Renault no Brasil, mas seguirá tendências brasileiras. Suspensão elevada, rodas de 16 polegadas e adereços estéticos marcarão a variante fora de estrada, que será apresentado no Salão de Paris no próximo mês. No interior, conforto para além das trilhas de asfalto: ar-condicionado, central multimídia MediaNav e piloto automático. Em alguns países, como Portugal, tanto o Lodgy quanto o Dokker são equipados com apenas um motor, um 1.5 dCi de 110 cavalos movido a Diesel, que ultrapassa a marca de 22 km/l. Hoje, um Sandero Stepway custa 12.500 euros, pouco menos que um Lodgy básico. Por isso, é razoável esperar a nova versão girando em torno de 15 mil euros.

por 18 de setembro de 2014 Dacia, Europa, Lançamentos, Salão de Paris

Duster é flagrado com carroceria picape na Romênia

Modelo será apresentado no mês que vem e chega ao Brasil em 2015

9981268491000888994
Quando vimos a ideia da Renault de criar uma picape derivada do Duster, esperávamos uma mistura entre a ele e a antiga picape do Logan – afinal, a plataforma dos dois é praticamente a mesma. Pelo visto, isso seria tão fácil que preferiram seguir outro rumo e o resultado se vê no flagra obtido por uma página romena. 1170411744979524404
A picape já estaria em testes finais pelas terras do Conde Drácula, antes de ser apresentado ao mundo no Salão de Paris, já no mês que vem. Ao que parece, a Dacia – divisão romena da Renault – optou por aproveitar ao máximo os elementos do Duster. Acabaram com as portas laterais, cortaram o teto, arremataram a traseira com uma tampa própria e pronto! Está longe de ser a picape mais proporcional do mercado, mas é o que temos pra hoje. Assim como a picape média derivada da nova Nissan Frontier, a picape derivada do Duster também tem produção brasileira cotada, e deverá ter início já em 2015 no Complexo Ayrton Senna, no Paraná. Ela seria um meio termo entre as compactas e as médias, assim como a nova picape que a Fiat está desenvolvendo.
1038930026799675690

por 11 de agosto de 2014 Dacia, Renault, Salão de Paris, Segredos

Dacia pode ter compacto derivado do Twingo

Modelo manterá a tração traseira mas será muito mais simples

renault_twingo_8
Marca de baixo custo da Renault, a Dacia pretende desenvolver um modelo menor que o Sandero, com base no novo Renault Twingo. Segundo a revista alemã AutoBild, o preço do modelo, que manterá até a tração traseira, partiria de 5 mil euros, algo como R$ 16.300. renault_twingo_10
O motor de três cilindros 0.9 TCe, sobrealimentado, com 90 cv seria mantido, mas entraria na jogada o 1.0 SCe, naturalmente aspirado, com 70 cv de potência. De resto, espera-se um interior muito mais simples e apenas equipamentos essenciais para que seja mantido o preço abaixo do Renault Twingo. Este modelo de baixo custo poderia ficar restrito à Europa, já que para mercados emergentes a Renault está trabalhando em colaboração com a Datsun no desenvolvimento do Projeto I2, que tem grandes chances de se tornar o substituto do Clio por aqui.

por 17 de março de 2014 Dacia, Renault, Segredos