Hummer

GMC trabalha em um substituto para os Hummer

Voltado ao uso off-road, carro está em desenvolvimento

Hummer-HX_Concept_2008_1600x1200_wallpaper_01

A Hummer foi uma das vitimas da crise próxima à virada da década. A marca teve suas atividades encerradas a exemplo da Saturn e da Pontiac. Para atender clientes dos Hummer, a GMC trabalha em um jipão que trará de volta características que criaram a alma daqueles modelos.

Hummer-H2_2008_1600x1200_wallpaper_04

Segundo um design da GMC, que falou com o The Car Guide, o carro está em desenvolvimente e terá alta capacidade de locomoção em terrenos acidentados. A base será alguma picape da gama atual da GMC. Pouca informação foi repassada, o que pode indicar uma fase inicial no projeto. Com isso, teremos um bom tempo para esperar por um protótipo ou sua versão de produção. Fonte | World Car Fans
Via | The Car Guide

por 10 de março de 2014 GMC, Hummer, Segredos

Superesportivos podem ser dirigidos pelo público em atração de parque em Santa Catarina

Superesporitvos Dirigir um carro dos sonhos, símbolos do consumismo, por quilômetros. Uma atração imperdível e que tem se tornado cada vez mais comum no Brasil, sendo sempre destacado pela mídia. Agora, o parque Beto Carrero World de Santa Catarina criou o Super Carros Beto Carrero, onde os visitantes do parque podem alugar carros como o Mustang GT, Hummer H3T e 360 Modena, ou simplesmente dar uma volta. Os preços partem de R$ 50,00, preço de uma carona no Mustang por cinco quilômetros. Para dirigí-lo, os condutores terão que pagar R$ 150,00. Os preços variam. O Boxster e o Corvette C6, por exemplo, custam R$ 250,00 para serem dirigidos durante 8 quilômetros. Já a 360 Modena custa R$ 550 reais, e o Gallardo, R$ 690,00 para ser dirigido e R$ 250 para uma carona. Trata-se de um passeio imperdível, sejam para os fãs de carros ou para curiosos que sempre sonharam em andar nas tão famosas Ferrari. E, dessa vez, o leque de escolha e de preços são maiores e mais amigáveis.

Com informações do Carplace
por 15 de março de 2011 Brasil, Chevrolet, Eventos, Ferrari, Ford, Hummer, Lamborghini, Porsche

GM declara o fim da Hummer

Hummer-4 A General Motors consegue acabar com mais uma de suas marcas. Como se não bastasse o encerramento das operações da Pontiac e Saturn, agora é a vez da Hummer. A GM estava negociando a venda da marca para o grupo chinês Sichuan Tengzong, mas a ação fracassou. Segundo a agência Reuters, a culpa é do governo chinês e seu socialismo de mercado, que não aprovou a transação. Agora a GM vai iniciar o processo de desativação da Hummer, suspendendo a  produção, dispensando funcionários e fechando as concessionárias. Mas garantias, peças e serviços continuam para os clientes da marca. Hummer-H3-005 É o fim da Hummer, marca que surgiu para fornecer carros militares com o modelo H1, e que logo lançou o H2 uma versão civil do modelo. Depois veio o H3, cuja versão picape  foi desenvolvida em conjunto com a filial brasileira.

Fonte | Autoblog

por 25 de fevereiro de 2010 Fim de Carreira, GM, Hummer

GM confirma venda da Hummer para a chinesa Tengzhong

Hummer-China-0 A General Motors concluiu hoje (9), o acordo de venda da Hummer para o grupo chinês Sichuan Tengzhong. Nenhuma das empresas divulgaram maiores informações sobre a transação, mas a imprensa especula que os chineses desembolsaram 150 milhões de dólares pela Hummer. O controle da Hummer ficará nas mãos de um grupo de investimento comandado pela Tengzhong, que vai deter 80% das ações. Os 20% restantes ficarão sob o controle do empresário chenês Suolang Duoji. O grupo asiático irá assumir a marca, os direitos comerciais, os direitos de licença necessários para a fabricação dos veículos Hummer e os acordos existentes com sua rede de concessionárias. Atualmente, a marca conta com 158 revendedoras credenciadas, só nos Estados Unidos. Mas para o acordo ser completamente oficializado, falta obter a autorização dos órgãos reguladores da China e dos EUA.

por 10 de outubro de 2009 Hummer, Mercado

Chinesa Tengzhong controlará a Hummer

hummer-hx-conceptdetroit-08-4 Segundo o site chinês Gasgoo, a nova controladora da Hummer será a chinesa Sichuan Tengzhong. Esta empresa chinesá terá que manter a sede da marca nos EUA e se comprometer em não demitir nenhum funcionário ou fechar concessionárias da marca. A GM continuará produzindo os veículos da marca até 2012, recebendo capital de investimento dos chineses. Segundo fontes dentro da Hummer, dois novos modelos estão sendo desenvolvidos, a nova geração do H3 e o H4, um novo modelo, que será baseado no conceito HX. Este segundo será um utilitário esportivo, baseado no conceito HX (Foto).

por 2 de setembro de 2009 Hummer, Mercado

Empresa chinesa será a nova dona da Hummer

Hummer-H2_2008_800x600_wallpaper_02 A General Motors (GM) anunciou, na noite de ontem (2), a identidade do potencial comprador da Hummer. Trata-se do fabricante Sichuan Tenghong Heavy Industrial Machinery. Uma empresa que se dedica à produção de maquinário para a construção de estradas. O acordo ainda é preliminar, mas em comunicado, a General Motors disse que conta no acordo, que a Tengzhong "comprará os direitos" da marca Hummer e "assumirá os acordos existentes" sobre a rede de concessionárias da marca. O acordo deve ser finalizado entre os meses de setembro e outubro. Yang Yi, executivo-chefe da Tengzhong, disse em entrevista, que "a marca Hummer é sinônimo de aventura, liberdade e euforia". "Planejamos seguir essa tradição ao investir na empresa, o que permitirá a Hummer inovar e crescer em novas formas", comentou. Quando o acordo entre as partes for finalizado, a direção da Hummer será transferida para a Sichuan Tengzhong. A GM continuará a assegurar a produção em suas fábricas norte-americanas e a fornecer assistência. Estas medidas faz com que seja garantido o mantimento de mais de 3000 postos de trabalho e, permitirá à Hummer continuar as suas operações, sem atrasar a produção. A tradição da Hummer está fortemente interligada ao patriotismo norte-americano. Veículos de guerra produzidos por esta marca, estiveram presentes em vários combates, mas seu primeiro foi na Guerra do Golfo. Foi dos carros de combate, que surgiu o Hummer civil, o H1. Cujo o primeiro foi entregue em 1992.  2_1_hummer

por 3 de junho de 2009 Hummer, Mercado

Mais informações sobre a concordata da General Motors

1699358284384x295 Como já dissemos, a General Motors pediu sua concordata. Ela, que já foi motivo de orgulho para os norte-americanos e, que por 77 anos foi a maior montadora do mundo. O presidente Barack Obama, deu há pouco, sua declaração oficial sobre a maior concordata da indústria norte-americana. Segundo ele, o colapso ocorrido com a General Motors e a Chrysler, teria provocado um enorme dano à economia americana, ao decidirem de se resgatar, por meio de um processo de falência, logo seguido por uma reestruturação. "Num momento em que estamos no centro de uma recessão e de uma crise financeira profunda, a ruína destas empresas teria um efeito devastador para inúmeros americanos, além de causar prejuízos enormes a nossa economia, não só na indústria automobilística", afirmou Obama, hoje, em discurso na Casa Branca. Após Obama, o presidente da GM, Fritz Henderson, deu seu pronunciamento e, espera que a empresa saia da concordata entre 60 a 90 dias. Henderson assegurou que o pedido "não terá nenhum impacto na Europa, América do Sul e Ásia, e que a GM continuará operando sem interrupções". TRHJUTR O prejuíso dado pela GM Após a concordata, a GM receberá mais de US$ 30,1 bilhões de ajuda do governo dos Estados Unidos, que por sua vez, terá 60% do capital da empresa. No total, o tesouro norte-americano irá injetar na companhia US$ 50 bilhões, sendo que US$ 20 bilhões já foram liberados, quando a indústria automobilística local pediu ajuda financeira para fugir da falência. A GM ainda terá o reforço de US$ 9,5 bilhões dos governos do Canadá e da província de Ontário, que ficarão com 12% das ações. O fundo de previdência dos funcionários da GM assumirá 17,5% das ações. Os outros 10% ficarão nas mãos dos antigos credores, proprietários de obrigações não garantidas que aceitaram o plano de reestruturação. Essa concordata resultará no fechamento de 11 fábricas. A empresa pretende eliminar também 2.100 concessionárias nos EUA até o fim do próximo ano. Dentro do processo de reestruturação a GM vendeu a marca Hummer, mas o comprador até agora não foi divulgado. Já a Pontiac foi fechada e o mesmo deve acontecer com as marcas Saturn e Saab. Ao final da reestruturação, a GM terá 33 fábricas nos Estados Unidos, menos do que as 47 que possuía em 2008. A companhia também cortará mais de 21 mil funcionários até 2011. FJGFJ Brasil fica fora da concordata A LAAM(divisão que agrega subsidiárias da América latina, África e Oriente Médio). De acordo com esse comunicado, no Brasil continuará tudo normal, como está atualmente. As subsidiárias pertencentes à LAAM, fazem parte do grupo de subsidiárias auto-sulficientes, e dependem de autorização judicial para fazer parte da “nova GM”, como será chamada a nova estrutura que surgirá, sob a nova gestão da empresa. GM Sinking_640 Fontes: Reuters / Carsale / G1

por 1 de junho de 2009 Buick, Fim de Carreira, GM, Hummer, Pontiac

Hummer mostra seu H3 híbrido em Detroit

Raser_Electric_Hummer_H3 A Hummer, uma das marcas da General Motors com mais dividas, apresentou hoje (20) em Detroit, nos Estados Unidos, o utilitário esportivo Hummer H3 ReEV, que conta com a novidade de um motor híbrido (combinação de motores elétrico e a combustão). A apresentaçã, foi no congresso da Sociedade Americana de Engenharia (SAE), que foi prestigiada pelo governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger. O SUV da Hummer utuiliza um sistema desenvolvido pela empresa Raser Technologies, que permite ao H3 conseguir uma autonomia de 64 km usando apenas o motor elétrico e uma economia de 2,35 litros de combustível a cada 100 km rodados. O lançamento do Hummer H3 ReEV é uma tentativa da Hummer para “melhorar” sua imagem de fabricante de carros de alto consumo de combustível. 0,,20496789-FMM,00 medium_3459868804_2f83242406_o

por 20 de abril de 2009 Hummer, Lançamentos, Sustentabilidade

Recall do Hummer H3, Tanque de combustível pode cair

  Hummer-H3T_Alpha_2009_1024x768_wallpaper_08 Os proprietários da versão pick-up do Hummer H3T 2009 estão sendo chamados para um recall, nos EUA, devido a um defeito encontrado no suporte do tanque de combustível. No total, serão chamadas à oficina 1798 unidades do Hummer H3T. Com o defeito no tanque de combustível, ele poderia ter os fixadores prontais soltos, sendo apenas suportados pelos traseiros, e assim, vir a cair ao chão podendo causar um grave acidente. Os concessionários da marca norte-americana vão substituir os suportes de forma a que o tanque não corra mais o risco de cair ao chão.

por 15 de março de 2009 Hummer, Recalls

GRUPOS ÁRABES MANIFESTAM INTERESSE EM AQUISIÇÃO DA HUMMER

Hummer-H3_Alpha_2008_1600x1200_wallpaper_09 Famosa por seus jipes com visual militar, a Hummer foi colocada à venda oficialmente pela GM há alguns meses. Até então, nenhuma proposta concreta havia sido apresentada. Mas agora, dois grupos árabes manifestaram interesse na aquisição da marca. A informação foi confirmada pelo diretor geral do grupo para o Oriente Médio, Terry Johnsson. Hummer-H2_SUT_Limited_Edition_2006_1600x1200_wallpaper_03 Com a alta nos preços do petróleo, a marca deixou de ser atrativa para o grupo americano, que atualmente está mais focada em modelos mais compactos e ecologicamente corretos, características opostas aos modelos Hummer. O mercado do Golfo Pérsico, que tem a economia em crescimento e baixos preços de combustíveis, deve ser a única alternativa viável para o potencial comprador. Hummer-H2_2008_1600x1200_wallpaper_06 Enquanto isso, a GM do Brasil, embora não tenha nada confirmado, estuda importar oficialmente os modelos da marca de utilitários, como o H2 e H3, para o país.

por 30 de agosto de 2008 GM, Hummer, Mercado