Italdeisgn-Giugiaro

Giorgetto Giugiaro anuncia sua saída do estúdio Italdesign

Designer se dedicará a “interesses pessoais”

giorgetto giugiaro maserati (Copy)

Fundado em 1968, o estúdio de design Italdesign Giugiaro deixa de contar com sua maior estrela: seu criador Giorgetto Giugiaro. O designer anunciou seu desligamento após vender os 9,9% de ações que ainda possuía na empresa, estas vendidas para a Audi, que agora é dona integral do estúdio italiano.

Leia mais ›

Volkswagen-Porsche Tapiro – O conceito que influenciou uma década de esportivos

Com quatro portas asa de gaivota, representava o futuro nos anos 70

volkswagen-porsche_tapiro_2
No final dos anos 1960, a Porsche sabia que precisava de um novo carro de entrada para substituir o 912. Ao mesmo tempo, o Karmann-Ghia envelhecido fazia a Volkswagen pensar em um novo cupê esportivo. Então, Volks e Porsche juntaram a fome com a vontade de comer e o resultado deste esforço mútuo foi o Porsche 914, um esportivo com motor fraco e design controverso. Por sorte, Giorgetto Giugiaro viu potencial neste conjunto. porsche_914_6_8
Àquela altura, o designer italiano queria divulgar seu estúdio recém criado, o Italdesign Giugiaro. Seu quarto carro-conceito foi o Volkswagen-Porsche Tapiro, interpretação própria do 914, mostrada no Salão Automóvel de Turim de 1970.

volkswagen-porsche_tapiro_13volkswagen-porsche_tapiro_1volkswagen-porsche_tapiro_3

Tapiro vem de tapir, um nome menos infeliz para a anta. Em comum com o animal, o carro tinha o “nariz” proeminente e a traseira volumosa, mas a plataforma era de um Porsche 914/6, com o motor flat-6 1.990cm³ com deslocamento aumentado para 2.400cm³, rendendo 220cv. O que ninguém diria é que o maior mamífero da América do Sul influenciaria os esportivos da década seguinte…volkswagen-porsche_tapiro_4
1970_ItalDesign_VW-Porsche_Tapiro_09A carroceria em forma de cunha com dois conjuntos de portas asa de gaivota, um para o interior e outro quase todo de vidro para acessar o porta-malas – que ficava em cima do motor central –, encantaram os críticos da época. Mas isso não foi suficiente para o Tapiro entrar em produção. De toda forma, o Tapiro deixou um legado. Serviu de inspiração para outras criações da Italdesign, como  o o conceito Maserati Boomerang, o Lotus Esprit – que imitou até o interior -, o Maserati Bora e até mesmo o DeLorean DMC-12 – o carro de “De Volta Para o Futuro”, que tem as mesmas linhas nas lanternas traseiras.
INHALT
No final, o único Tapiro produzido foi vendido para um industrial espanhol. O carro foi incendiado durante uma greve. A Italdesign comprou a carroceria carbonizada e hoje a exibe em seu museu. O legado: maserati_bora_12delorean_dmc-12_32lotus_esprit_3maserati_boomerang_11

Italdesign mostra o conceito Brivido em Genebra

Italdesign-Brivido_Concept_2012_1600x1200_wallpaper_02
Agora propriedade do Grupo Volkswagen, a italiana Italdesign-Giugiaro levou para o Salão de Genebra, o conceito Brivido, um ousado esportivo híbrido criado para levar quatro passageiros. Ele se destaca pelas linhas agressivas e portas no estilo "asas de gaivota". Italdesign-Brivido_Concept_2012_1600x1200_wallpaper_05
O sistema híbrido é composto por um motor 3.0 V6 com 360cv e um motro elétrico, comandados por uma transmissão automática de oito velocidades, que envia a força para o eixo traseiro. Este conjunto permite ao Italdesign Brivido alcançar os 100 km/h em apenas 5,8 segundos, além de uma velocidade máxima de 275 km/h. As emissões de CO2 ficam nos 154 g/km. À imprensa, Giorgetto Giugiaro explicou que este estudo revela uma nova filosofia da empresa italiana: “Quisemos que as pessoas pudessem sonhar e imaginar o futuro".
Italdesign-Brivido_Concept_2012_800x600_wallpaper_09

por 7 de março de 2012 Italdeisgn-Giugiaro, Salão de Genebra

Volkswagen mostrará sete conceitos no Salão de Genebra

VW Up Lite Concept_lead A Volkswagen planeja expôr sete conceitos no Salão de Genebra, que abrirá as portas aos fãs de carro no mês de março. Tudo isso para adiantar o que a montadora pretende lançar até 2018, prazo em que a Volkswagen promete ser a montadora que mais vende veículos no mundo. Os conceitos serão da própria da Volkswagen e também de outras montadoras do grupo, como a Seat, a Audi e a Skoda. A Audi deverá contar com um ou dois conceitos, de acordo com a VW. É esperado que a Volkswagen leve o Up! Lite, que adianta linhas e soluções para futuros modelos. O design do Up! Lite deverá inspirar os futuros modelos da marca, incluindo o Golf VII, que será lançado entre 2012 e 2013. DB2009AU01940 O estúdio de design Italdesign Giugiaro também apresentará dois conceitos da Volkswagen. Exatamente por isso, espera-se que esses conceitos adiantem o novo visual da Volkswagen até 2018. Como seriam conceitos novos, não se sabe quais seriam, ou quais modelso irão inspirar. Quem sabe seja algo em relação ao novo SUV que a Volkswagen pretende lançar nos Estados Unidos… DB2009AU01942

Fonte | Carscoop

Direto de genebra – Frazer-Nash Namir

giugiaro-namir-1280-01 A Italdesign-Giugiaro apresenta no Salão de genebra o esportivo híbrido apelidado de Frazer-Nash Namir, em homenagem à marca britânica de produção de modelos esportivos e competição que deixou de produzir nos anos 50, dando lugar à Frazer-Nash Research, agora parte do Grupo Kamkorp, especialista no campo das motorizações híbridas. O Frazer-Nash Namir, que em árabe quer dizer tigre, pretende mostrar a tecnologia da companhia. Fabrizio Giugiaro encarregou-se do desenho e a construção foi desenvolvido nas instalações da marca em Turim. giugiaro-namir-1280-17 giugiaro-namir-1280-08 Tem um chassi monobloco em fibra de carbono com painéis tipo favo de mel, cujo peso não vai além dos 110 kg. A motorização desenvolvida pela Frazer-Nash para este modelo é composta por um motor rotativo endotérmico a gasolina de 814 cc, que carrega as baterias de ionsde Lítio, que, por sua vez, alimentam quatro motores eléctricos, desenvolvendo uma potência combinada de 370 cv. as performances anunciadas são de 3,5 segundos nos 0-100 km/h; velocidade máxima de 300 km/h e um consumo de ais de 28km/l, emitindo menos de 60 g/km de CO2. A autonomia chega a até 2000 km. giugiaro-namir-1280-13 giugiaro-namir-1280-04

por 4 de março de 2009 Italdeisgn-Giugiaro, Salão de Genebra