MINI

Video de divulgação do Mini Clubman no Reino Unido

O título do video significa “Mini Clubman. Você viu aquilo?

por 25 de março de 2009 MINI

BMW desenvolverá MINI 5 portas em parceria com a FIAT

MiniCooperClubman_1_440 A Mini reforçará a gama com um novo modelo de caráter mais prático, com carroçeria mais leve e motores menos poluentes. Segundo o site Autoexpress, o novo modelo deverá aumentar a versatilidade, devido às cinco portas, optando por uma solução convencional, diferente do que ocorre na versão Clubman (acima). Este novo modelo será substancialmente diferemte do Mini “normal”, e terá proveito dos projetos desenvolvidos conjuntamente entre a BMW e a Fiat, que desenvolverão as novas versões dos pequenos Isetta e Topolino. Com motor traseiro, este novo Mini utilizará elementos plásticos na carroçeria e materiais compostos, e alumínio nos chassis, de forma a diminuir o peso, consumos e emissões de poluentes. Além das opções a gasolina, a versão eléctrica também poderá ser realidade, com as baterias instaladas por baixo do habitáculo e com motores elétricos nas quatro rodas. O construtor britânico já tem parte desta tecnologia em desenvolvimento no Mini E, modelo que se encontra em testes nas estradas americanas.

por 22 de março de 2009 BMW, MINI

Mini Cooper começando a chegar ao Brasil

mini-cooper-santos-04 No Salão do Automóvel de São Paulo do ano passado, a BMW anunciou que começaria a importação oficial dos modelos da Mini, para o Brasil. Já er apenas questão de tempo, para que eles comecem a rodar no país, já que alguns testes de homologação e adaptação de estradas e combustível já estavam sendo feitas pela marca. mini-cooper-santos-02 mini-cooper-santos-05 O primeiro lote  do hatch já desembarcou em Santos, junto com vários BMWs  e Land Rovers, como provam as imagens divulgadas na internet. A única versão que veio nesse lote foi a Cooper, equipada com um motor de 1,6 litro de 120 cv. Ela é a versão intermediária do modelo, tem bom desempenho, em consideração ao baixo peso do Mini. mini-cooper-santos-06 mini-cooper-santos-07 Estarão disponíveis aqui três versões do carrinho: o Mini Cooper, o Mini Cooper “S”, e o Mini Cooper Clubman.A motorização básica é quatro cilindros de 16V e potência de 120cv, a versão “S” tem turbo compressor que eleva a potência para 175cv, e traz em seu capô um par de listras que lhe diferenciam da versão menos potente, o consumo médio varia entre 12,6 e 14,4km/l na cidade e 18,5 e 22,2km/l na estrada. O modelo Clubman, é, na prática sua versão perua, tem 22 centímetros a mais de comprimento.  mini-cooper-santos-15 mini-cooper-santos-10 E como se sabe que não são importadas de forma independente? simples: Há no para-brisa documentos que identificam a empresa responsável pela importação. Repare que está escrito o nome "BMW AG", a BMW é a proprietária da marca Mini. Segundo a BMW os automóveis serão oficialmente lançados, e chegarão às lojas, em abril pouco tempo antes de se iniciarem a importação do Smart Fortwo e do Fiat 500. A BMW espera vender cerca de 800 unidades no primeiro ano de atuação no país, passando para 1.000 veículos no ano seguinte. Em São Paulo, onde deve ser inaugurada a primeira autozidada da Mini, a loja ficará na avenida Rebouças e logo em seguida, duas novas revendas deverão ser abertas, uma em Curitiba e outra em Belo Horizonte. Produzido atualmente na Alemanha, acredita-se que o Mini Cooper tenha preços à partir dos R$ 90.000. mini-cooper-santos-18

por 14 de março de 2009 BMW, Lançamentos, MINI, Segredos

VÍDEO-MINI E

por 24 de novembro de 2008 MINI

PRÉ SALÃO DE LOS ANGELES-MINI E

mini_e_1810_3 Uma das atrações da Mini para o Salão de Los Angeles será a versão totalmente elétrica do pequeno modelo inglês, batizada de Mini E. A princípio o modelo não será produzido em série, mas entre 500 e 1000 unidades dele serão testadas por consumidores das cidades de Nova Iorque, Califórnia, Nova Jersey e Londres. Com o sistema mais desenvolvido o Mini E será mais uma versão do compacto com estilo retrô. mini_e_1810_12 mini_e_1810_18 O motor do modelo consegue desenvolver potência máxima de 204 cv, com torque de 22,42 kgfm. As baterias são de lítio-íon. O desempenho é muito bom, com 0 a 100 km/h em 8,5 segundos e velocidade máxima de 152 km/h. O peso acrescentado pelas baterias eleva o total para 1.465 kg. Um sistema converte a energia das frenagens em carga para as baterias. O carro pode ser recarregado na tomada, levando 23,6; 4,5; ou 2,9 horas, dependendo da voltagem da corrente, 110 V/12 A, 240 V/32 A ou 240 V/48 A, respectivamente. Com carga máxima a autonomia é de 240 quilômetros. mini_e_1810_6 A caixa de câmbio foi modificada, ficando agora no lugar dos bancos traseiros, que deram lugar ás baterias. Para assimilar o peso acrescentado pelas baterias a Mini preparou uma suspensão exclusiva para esta versão. O veículo se diferencia do restante da gama, esteticamente, pela cor e pela falta da saída de escape.

por 18 de outubro de 2008 MINI, Salão de Los Angeles

VAZAM AS PRIMEIRAS IMAGENS OFICIAIS DO MINI CABRIO

MINI-Cooper-Cabriolet-57 Os fãs do Mini esperavam há um bom tempo pelo novo Mini conversível, que devido a problemas no seu desenvolvimento acabou atrasando. Finalmente ele está chegando, e será apresentado de maneira oficial no próximo ano, no mês de janeiro durante o Salão Mundial do Automóvel de Detroit. MINI-Cooper-Cabriolet-59 Juntamente com a nova capota chegam novas cores á gama, São elas a Interchange Yellow e Horizon Blue para a carroceria e para a capota Hot Chocolate e Denim. Os cromados do interior são substituídos pelo “cromo negro”, que também está presente na borda dos faróis dianteiros. Ainda no interior, o modelo possui um curioso acessório, um conta-quilômetros que mede a distância percorrida com a capota aberta. MINI-Cooper-Cabriolet-62 A barra de proteção fixa foi substituída por uma escamoteável que se “arma” quando detecta situação de perigo eminente. A chegada do modelo ao mercado acontecerá alguns meses após a apresentação oficial do modelo em Detroit. O kit John Cooper Works estará disponível, sendo instalado na fábrica ou na concessionária. Alguns meses depois as versões Cooper, Cooper S e John Cooper Works chegarão ao mercado. MINI-Cooper-Cabriolet-58 MINI-Cooper-Cabriolet-60 MINI-Cooper-Cabriolet-61 MINI-Cooper-Cabriolet-63

por 30 de setembro de 2008 MINI, Salão de Detroit, Segredos

VÍDEO-MINI CROSSOVER CONCEPT

por 23 de setembro de 2008 MINI

PRÉ SALÃO DE PARIS-MINI CROSSOVER CONCEPT

Mini 01
O novo conceito da Mini não merece esse nome, já que é o único modelo da montadora que passa de quatro metros de comprimento, chegando a 4,13 metros. O Crossover Concept será mostrado no Salão de Paris. A largura e altura do modelo também são maiores do que os modelos normais, com 1,83 e 1,59 metros, respectivamente.
Mini 02
As portas do modelo são uma atração á parte, enquanto o lado direito utiliza duas portas convencionais, o lado esquerdo tem porta dianteira maior que as outras, e a porta lateral traseira é deslizante. A tampa do porta-malas, em peça única, abre-se lateralmente.
Mini 03 Mini 04
As informações dos sistemas de navegação, telecomunicação e entretenimento são repassadas ao motorista pelo “Center Globe”, um display em forma de globo que faz uso de projetores a laser. O conceito antecipa um modelo que será produzido, e que deverá usar os mesmos motores do Mini atual. O nome Mini Crossover não é definitivo, apesar da fábrica dizer que o modelo se chame Mini Cross, especula-se que o modelo será batizado como Mini Crossman.

por 10 de setembro de 2008 Conceitos, MINI, Salão de Paris

BMW CONFIRMA IMPORTAÇÃO DO MINI PARA O BRASIL!

Mini-One A BMW do Brasil acaba de anunciar a importação oficial do compacto Mini para o Brasil no ano que vem. Segundo a BMW Brasil, o modelo virá para comemorar o cinqüentenário da montadora Mini. Não se sabe se o modelo será trazido na versão perua Clubman, além, é claro, do hatch. A versão conversível parou de ser fabricada recentemente, e, por tanto, nem adianta sonhar com ela. O hatch é oferecido nas versões One, com acabamento Standart e D, e Cooper, com opções Standart, D e S. Mini-Clubman_John_Cooper_Works A fábrica do modelo em Oxford na Inglaterra recebeu investimentos para aumentar a produção do modelo para até 240 mil unidades em 2010. Com isso o modelo poderá ser vendido em outros mercados. Na América Latina o modelo já é comercializado na Argentina, Chile, México, Colômbia e Venezuela.

por 8 de agosto de 2008 MINI, Segredos